Estas balsas elétricas devem percorrer as vias navegáveis ​​de Moscou até 2022 (FOTOS)

Centro Nacional de Design Industrial e Inovação 2050.LAB
Design futurista, janelas panorâmicas e café da manhã a bordo - eis um vislumbre dos bondes fluviais do futuro.

O Centro Nacional de Design Industrial 2050.LAB, em Moscou, desenvolveu um projeto de transporte elétrico para o rio Moskva. As fotos do conceito foram publicadas no site do centro.

O escritório apresentou três tipos de balsas, ou bondes fluviais, todos com vista panorâmica, proporcionando aos passageiros uma visão detalhada das margens. Todos os bondes são equipados com rampas, cadeiras de rodas e carrinhos de bebê, bem como compartimentos para bicicletas e outras bagagens de tamanho não convencional.

Cada bonde contará automaticamente o número de passageiros para controlar os assentos disponíveis, que “serão ergonômicos”, garante o designer-chefe da 2050.LAB, Aleksei Charchakov. “A distância entre eles [os assentos] foi calculada de forma que uma pessoa de qualquer constituição física sinta-se confortável”, disse Charchakov à agência Moskva.

Todos os três bondes diferem ligeiramente em termos de design.

“O primeiro tem um design exterior bastante sereno: é um navio moderno que faz o passageiro se sentir confortável e aconchegante. O segundo impressiona pela inclinação negativa do vidro e a cabine independente do capitão, que parece pairar sobre a água em frente ao compartimento de passageiros. Isso aumenta a visibilidade e dá ao navio uma aparência futurística. Esses bondes vão se destacar à noite devido às luzes dianteiras”, disse o designer.

No terceiro bonde, a cabine do capitão ficará situada no segundo andar, tornando a visão do passageiro ainda mais ampla, segundo Charchakov.

Por um custo extra, os passageiros poderão desfrutar do café da manhã a bordo. De acordo com o conceito, o bonde irá parar em estações fluviais equipadas com assentos protegidos, bem como estacionamentos e pontos de compartilhamento de carros. Além disso, ônibus irão circular de e para a estação de metrô mais próxima. Isso exigirá que os horários de bonde e ônibus sejam sincronizados, e que os passageiros possam monitorar a situação dos veículos por meio de um aplicativo móvel especial, bem como comprar passagens.

Os serviços regulares de bonde elétrico devem ser lançados em Moscou em 2022-23, segundo anunciou o vice-prefeito de Transporte, Maksim Liksutov, em uma entrevista de rádio.

“Atualmente, apenas barcos de turismo e lazer navegam na capital. (...) Planejamos implantar os serviços regulares de transporte com o mesmo sucesso. (...) As embarcações seguirão as melhores tradições da cidade: ambientalmente corretas, sem emissões nocivas para o ar ou água, totalmente movidas a eletricidade. Nenhum outro país tem algo parecido ainda”, concluiu.

Confira abaixo mais fotos do projeto:

LEIA TAMBÉM: 7 linhas de transporte público que são verdadeiros city tours de Moscou

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies