Rússia cria plataforma estatal para proteção de patrimônio cultural

Serguêi Fomin/Global Look Press
Ministério do Desenvolvimento Digital e Comunicações da Rússia criou plataforma nacional de dados que permitirá o monitoramento remoto de sítios do patrimônio cultural protegidos por lei, bem como o monitoramento da natureza nas regiões russas.

Uma nova plataforma russa poderá processar dados em tempo real sobre o estado das instalações culturais e a concentração de substâncias nocivas na atmosfera, com a transferência desses dados para o sistema de informação estatal.

"A criação da plataforma estatal é um claro exemplo da transformação digital de um setor socialmente importante, utilizando novas tecnologias. A segunda fase do projeto incluirá a criação de um sistema de controle ambiental e de proteção dos recursos hídricos, bem como uma ferramenta para detectar construções ilegais e analisar parâmetros de construção", disse vice-ministro deDesenvolvimento Digital, Oleg Kassanov.

A plataforma estatal foi criada como parte do programa nacional "Economia Digital" em colaboração com a maior empresa de internet russa, a Mail.Ru Group.

Hoje, a plataforma já está funcionando nas regiões de Tcheliábinsk, Vologda e Kaluga.

A plataforma é baseada na tecnologia da Internet das Coisas do Mail.Ru Group, que coleta, processa e armazena os dados.

LEIA TAMBÉM: Como a mesquita mais antiga da Rússia conseguiu sobreviver 1.300 anos?

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies