Esses modelos russos conquistaram passarelas mundo afora (FOTOS)

https://www.youtube.com/watch?v=VY1eFxgRR-k; @sashadidntwakeup
De vendedores de loja a trabalhadores manuais, esses jovens foram descobertos por olheiros e hoje despontam nos melhores desfiles de moda, além de estrelar clipes.

1/ Os irmãos Dulatov

A família Dulatov – mãe, pai e cinco filhos – emigrou da Tchetchênia para Dusseldorf, na Alemanha. Aos 16 anos, o filho mais velho, Jabrail, conseguiu um emprego em um supermercado local para juntar dinheiro e comprar um cinto Gucci que havia visto na vitrine de uma loja. Certo dia, um olheiro o notou no mercado e ofereceu-lhe um tipo diferente de trabalho. No início, Jabrail recusou categoricamente a proposta por causa de sua fé muçulmana e educação tchetchena, mas o agente o convenceu a assistir a um casting com seu pai.

Inundado com ofertas de marcas de moda, Jabrail já participou de desfiles de Alexander McQueen, Lanvin e Gucci. Seus irmãos, Sulumbek, Tamerlane e Islam, também se interessaram pela carreira nas passarelas, e hoje os quatro irmãos trabalham como modelos. Um deles, Islam, até assinou um contrato com a Versace.

Apesar da profissão, os irmãos continuam alinhados à cultura tchetchena. Por exemplo, Jabrail recusou um contrato de publicidade com a Armani no valor de US$ 140.000 porque envolvia uso de roupas íntimas.

Fora da moda, os irmãos sonham em se tornar lutadores de MMA e abrir um academia gratuita para os tchetchenos em Düsseldorf. O mais velho deles, Jabrail, começou a reduzir o número de sessões de fotos e acredita também que a carreira dos irmãos como modelo seja um fenômeno temporário.

“Ser fotografado com roupas bonitas não é para sempre”, diz Jabrail.

2/ Sasha Trautvein

Em 2016, Sasha, então com 17 anos (hoje tem 21), da cidade industrial siberiana de Kansk, passou por uma crise, abandonou a escola, fez uma tatuagem facial com a expressão “Wake up” (Acorde), vendeu seu carro todo amassado, comprou um mochilão e seguiu a namorada até São Petersburgo. O relacionamento não deu certo, e ele estava quebrado. Para se sustentar na cidade desconhecida, Sasha trabalhou como operário em um canteiro de obras e segurança, mantendo o tempo todo um perfil no Instagram. Nesta conta, ele postava fotos dos apartamentos comunais de São Petersburgo e de si mesmo em suéteres velhos e calças listradas.

Um artista ucraniano de hip-hop que ele conheceu on-line viu potencial em Sasha e o aconselhou a tentar a vida como modelo. Sua aparência incomum e as fotos no Instagram chamaram atenção de marcas famosas. Trautvein foi convidado para sessões e desfiles de Heron Preston, Y-3, Louis Vuitton, Dior e outros, e também se tornou o rosto de Moncler. No verão de 2019, lançou uma série de balaclavas bordadas em tricô com “Wake Up” – das quais uma atraiu a atenção de Billie Eilish.

A revista “Esquire” incluiu Trautvein entre os 10 jovens mais elegantes do planeta e, no primeiro semestre de  2020, Sasha ficou em terceiro lugar no ranking de “pessoas que estão fazendo história” da “Dazed & Confused”.

Entre desfiles e sessões de fotos, Sasha continua morando em São Petersburgo, onde escreve letras de rap. Mas sonha em voar para os EUA e Reino Unido para fazer um documentário sobre sua vida. 

3/ Alexander Gordeev

Estudante de ciências veterinárias em Kazan, Alexander entrou para a moda graças à rede social russa Vkontakte, onde suas fotos foram vistas por Tânia Azarova, fundadora da agência de modelos Tann Model Management, de São Petersburgo, e ela o convidou para a capital do norte da Rússia.

Em pouco tempo, Gordeev participou de desfiles para Marcelo Burlon, Salvatore Ferragamo, Kenzo e Yohji Yamamoto. Em 2018, tornou-se o rosto de Vivienne Westwood e apareceu em campanhas da Palomo Spain e Harley-Davidson.

Além do trabalho nas passarelas, Gordeev desenha – em fevereiro passado, realiza sua própria exposição na galeria de Moscou betweenwindows.

“Desde a infância, eu queria desenhar, mas não consegui. Quando comecei a trabalhar como modelo na Europa e na Ásia, abandonei o ambiente conservador de Kazan e descobri a arte moderna. A meu ver, seu aspecto mais vital é a falta de uma definição clara do que constitui a arte em geral”, acredita Gordeev.

4/ Andrey Kupchenko

Посмотреть эту публикацию в Instagram

✌️✌️✌️

Публикация от Andrey Kupchenko (@koopchenko)

A top model de 26 anos e galã de Selena Gomez nas telas nasceu em 1993 na cidade de Ostróvski, na região de Moscou, em uma família de contadores. Mais tarde, eles se mudaram para Moscou e, aos 17 anos, Kupchenko decidiu tentar a vida como modelo. Ele enfim encontrou uma agência e participou da London Fashion Week, após a qual foi convidado para sessões de fotos e desfiles de marcas como Gucci, Kenzo, Dries Van Noten, Prada e Dior Homme, entre outras. Mas Andrey ficou mundialmente famoso depois de aparecer com Selena Gomez no vídeo da música “Back To You”.

“Eles me deram um avião de papel e disseram para eu olhar para ele como se eu não ligasse para o que estava acontecendo. E eles me pediram para girar o volante e conversar com uma garota imaginária. Esse foi o teste todo”, relembra Kupchenko.

Naquela mesma noite, ele foi escolhido para o papel de parceiro romântico de Selena Gomez. “Foi um dos dias mais importantes da minha vida”, escreveu no Instagram.

Посмотреть эту публикацию в Instagram

@selenagomez 😘

Публикация от Andrey Kupchenko (@koopchenko)

No tempo livre, Kupchenko gosta de futebol, hóquei e leitura – seus livros favoritos são “Detetive”, de Arthur Hailey, e “Uma Tragédia Americana”, de Theodore Dreiser.

5/ Arthur Kulkov

Посмотреть эту публикацию в Instagram

Time spent value received

Публикация от Arthur Kulkov (@arthurkulkov1)

Esta modelo de 36 anos, que já desfilou em passarelas do mundo todo, nasceu na cidade siberiana de Mejduretchensk (3.800 km de Moscou). Quando Arthur tinha 13 anos, sua família decidiu se mudar para os EUA. N

No bairro do Brooklyn, em Nova York, jogava futebol, formou-se em administração de empresas pelo St Francis College e considerou seriamente seguir uma carreira esportiva. Mas, durante uma sessão de treinamento, foi notado por um agente que imediatamente lhe ofereceu um emprego. Mesmo relutante, Arthur aceitou a proposta para “parar de depender dos pais e ganhar algum dinheiro”.

Посмотреть эту публикацию в Instagram

mou areseis poly re gamoto

Публикация от Arthur Kulkov (@arthurkulkov1)

Em 2006, assinou seu primeiro grande contrato de modelo com a Tommy Hilfiger, seguido de colaborações com John Galliano, Dolce & Gabbana, Giorgio Armani, Louis Vuitton e outras marcas. Em 2013, a revista “Forbes” apontou Kulkov como o quarto modelo masculino mais bem pago no mundo, e em 2015 o site Models.com o descreveu como um “ícone da indústria de modelos”.

Em uma entrevista de 2015 à “Hello”, Arthur anunciou a intenção de deixar a moda abrir seu próprio bar. Desde então, não há notícias de nenhum bar na conta do Instagram do modelo, e Kulkov continua fazendo ensaios para as principais revistas.

LEIA TAMBÉM: Moda soviética: como as roupas ajudavam as pessoas em momentos difíceis

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies