Rússia ultrapassa Portugal e se aproxima do Brasil em casos de coronavírus

Ambulâncias formam fila para hospital em Khímki, cidade vizinha a Moscou.

Ambulâncias formam fila para hospital em Khímki, cidade vizinha a Moscou.

Reuters
País entrou para o top-15 dos países com o maior número de diagnosticados e quantidade diária de novos casos aumenta acentuadamente.

No último domingo (12 de abril), a Rússia registrou um novo recorde de novos casos de coronavírus em um único dia desde o começo da epidemia: 2.558, segundo o Centro de Controle do Coronavírus. O número total de diagnosticados subiu para 18.328 infectados. 

"Durante as últimas 24 horas, 18 pacientes com coronavírus morreram. O total de mortes subiu para 148 pessoas", declarou o porta-voz do centro.

Do total de diagnosticados, 1.355 foram registrados em Moscou. A capital russa continua a ser a região mais afetada pela pandemia, com 11,5 mil doentes.

Assim, segundo estatísticas da Universidade Johns Hopkins, a Rússia ultrapassou Portugal, que tem registrados 16.585 casos da doença, e subiu para o 15º lugar no ranking dos países mais afetados pelo coronavírus do mundo.

O 14º lugar no ranking é ocupado pelo Brasil, com 22.318 casos confirmados de covid-19.

LEIA TAMBÉM: “Ninguém nos fornece máscaras e luvas”: as histórias de quem não pode parar em tempos de coronavírus

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies