McDonald's e Burger King doam refeições a médicos russos

Reuters
Profissionais de saúde russos terão lanches e bebidas gratuitos nas redes de fast-food norte-americanas no país.

Em meio à pandemia do coronavírus, a rede de restaurantes de fast-food McDonald's começou a oferecer almoços gratuitos a médicos russos, de acordo com anúncio da empresa na internet. Uma declaração semelhante foi publicada pela rede Burger King.

"A partir de 1° de abril, o McDonald's doará lanches gratuitos para todos os médicos que trabalham em ambulâncias. A refeição inclui uma bebida de 200 ml. e um sanduíche. Para receber a refeição, os médicos devem chegar de ambulância e receber a encomenda através da janela de entrega do drive-thru", lê-se no comunicado da empresa. Cada brigada de ambulância poderá receber até três refeições por dia até 15 de abril.

O Burger King introduziu almoços gratuitos para todos os profissionais de saúde russos a partir de 3 de abril até o final da epidemia.

"Este é nosso ‘obrigado’ a todos os que se encontram agora na linha da frente lutando contra a covid-19. Caso conheçam profissionais de saúde, por favor, digam-lhes que, como agradecimento pelo seu trabalho, até ao final da quarentena, oferecemos lanches e bebidas de graça para eles", lê-se em comunicado do Burger King.

Em 3 de abril, o número de casos confirmados de coronavírus na Rússia subiu para 4.149.

LEIA TAMBÉM: TV, atrações e empresas na Rússia se unem para estimular campanha #Fiqueemcasa

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies