Gato é oficialmente contratado por biblioteca na Rússia

Pixabay
Bichano tem até carteira de trabalho.

O termo “rato de biblioteca” é frequentemente usado para se referir aos visitantes extremamente assíduos desses templos de conhecimento. Mas os habitantes da pequena vila de Gorodnia, a 133 km ao norte de Moscou, na região de Tver, parecem ter levado essa expressão um pouco a sério demais, pois contrataram um gato para trabalhar na biblioteca municipal, segundo o jornal “Komsomolskaya Pravda”.

O gato ruivo Stepan recebeu oficialmente uma carteira de trabalho da Rússia, no qual sua função é descrita assim como o “miador comunitário”.

A decisão foi tomada em 1º de março, por ocasião do Dia Internacional do Gato.

Desde que assumiu a posição, o quadrúpede leva uma vida ativa nas redes sociais, onde, em pouco tempo, fez muitos amigos. Mas também não era um total desconhecido aos visitantes, já que Stepan visitava o espaço havia muito tempo.

“Vou explicar, ele não é um gato de rua. Stepan é especial, vive bem em frente à biblioteca. Mas certa vez passou embaixo de nossa janela. Ele se sentou ali e ficou nos olhando. Demos comida a ele. Em um dia que o tempo estava ruim, nós o deixamos entrar para se aquecer. E foi tão divertido que ele começou a vir de manhã e ficar até a noite, até a nossa partida”, conta a funcionária Elena Arkhipova.

Como pagamento pelo trabalho árduo, Stepan é recompensado com frango, um de seus pratos favoritos – sem falar das carícias constantes que recebe de todos.

LEIA TAMBÉM: Quais são as raças de gato mais populares na Rússia?

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies