Duas princesas italianas, descendentes de Mona Lisa, adquirem cidadania russa

Domínio público
Decreto foi assinado por Putin.

Duas membros da aristocracia florentina obtiveram cidadania russa recentemente. De acordo com o decreto assinado por Vladimir Putin e publicado em 13 de junho no diário oficial, as princesas Irina e Natalia Strozzi, de 36 e 42 anos, são de origem eslava.

Acredita-se, porém, que ambas sejam descendentes de Mona Lisa – tese esta apoiada pela pesquisa do professor Giuseppe Pallanti e do especialista em genealogia Domenico Savini. Lisa Gherardini, mais conhecida como Mona Lisa e imortalizada por Leonardo da Vinci, era a esposa de Francesco del Giocondo.

LEIA TAMBÉM: Quanto sangue russo corria pelas veias dos Romanov? 

A primeira é formada em economia e, após um estágio em Bruxelas com o ex-presidente da Comissão Europeia José Manuel Barroso e o ex-primeiro-ministro britânico Tony Blair, pretende se tornar empresária. A segunda escreveu as memórias do pai e estudou na Academia de Ballet Vagánova, em São Petersburgo. Atualmente dedica-se ao teatro e ao balé.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies