Siberiano sobrevive a ataque de urso mordendo a língua de animal

Andréi Ivanov/Global Look Press
Homem foi prontamente transferido para hospital da região, mas passa bem.

Um homem que vive na república russa de Tuva, no sul da Sibéria, conseguiu se livrar do ataque de um urso de uma forma muito inusitada, segundo o site de notícias Krasnoiarsk TVK, que obteve informações de um registro policial.

O encontro inesperado aconteceu no último dia 2 de junho, quando Nikolai Ígrit, de 29 anos, e dois amigos foram para a Reserva Natural Khutinski para coletar chifres de renas caídos. Os homens se dividiram, e foi então que o quadrúpede atacou Nikolai.

LEIA TAMBÉM: Os 12 animais mais perigosos da Rússia 

O homem tentou gritar para assustar o animal, mas sua ideia não deu certo, e o urso acabou pegando seu rosto. Como reflexo, Nikolai mordeu a língua do animal, o que o levou a, enfim, recuar.

Nikolai foi transferido para um hospital na capital da república, Kizil.

Por ironia do destino, ele e seus dois companheiros enfrentarão agora um processo criminais por produzirem fogo na floresta sem a respectiva permissão.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies