De geladeira velha a pneu careca, 10 coisas bizarras que os russos guardam na varanda

Gregory Avoyan
Os russos estão sempre prontos para o apocalipse – basta olhar para suas varandas. O Russia Beyond apresenta uma lista dos itens mais estranhos que as pessoas no país costumam acumular para aqueles dias difíceis.

  1. Esqui de madeira

Algumas pessoas guardam um único esqui de madeira. Se perguntar a um conhecido russo o porquê disso, nós apostamos que ele ou ela dirá: “Por via das dúvidas!”. Talvez, o objeto seja usado como lenha na lareira ou estaca para matar um vampiro...

Mas a verdade é que a maioria das pessoas guardam um esqui de madeira por razões nostálgicas. Isso, geralmente, remete à juventude (dependendo da idade), afinal, se a pessoa tinha dinheiro para esquiar no período soviético, ela tinha muita sorte.

  1. Kettlebell (bola de ferro fundido com alça)

Na URSS, as kettlebells eram muito populares. A maioria dos homens soviéticos tinha uma ou duas em casa e as usavam para levantamento de peso. Acredita-se que esses objetos, que hoje apenas acumulam poeira na varanda, eram usados pelos comunistas para esconder suas reservas de ouro e platina. Talvez, esse seja o motivo pelo qual alguns russos ainda os mantêm – na esperança de ter uma pequena fortuna.

  1. Potes de três litros para conservas

A necessidade de conservar vegetais em frascos para o inverno está presente na memória dos russos desde a infância. Mesmo que eles não tenham uma datcha (casa de campo) para cultivar sua hortinha, ou tempo de mantê-la, ele ou ela provavelmente terão, mesmo assim, uma grande quantidade de potes velhos empilhados.

  1. Geladeira velha

Nenhuma varanda russa está completa sem uma geladeira velha. Retire as prateleiras, tire-a da tomada e pronto – o antigo eletrodoméstico se converte em um armário para guardas meias e outras peças menores.

  1. Radio e televisão

Há um antigo provérbio russo que diz algo, mais ou menos, assim: “Nunca jogue fora uma TV ou um rádio velho”. Brincadeiras à parte, a maioria dos russos parece seguir essa máxima só para não contrariar a tradição. 

  1. Pincéis e tintas velhas

Existe algo mais útil do que um pincel antigo coberto de tinta seca e dura? Os russos devem ser os únicos nesse planeta que mergulham os pincéis em benzina para usá-los posteriormente – e é por isso que tantas pessoas os guardam em suas varandas. A tinta seca também pode ser ressuscitada com um pouco de solvente.

  1. Machado

De que outra maneira você vai cortar seu único esqui de madeira para fazer lenha?

  1. Sabão em pó

Embora a maioria dos russos opte hoje por sabão líquido em vez do sabão em pó, muitas pessoas guardam caixas e caixas do último em suas varandas. Por quê? Não têm validade e podem ser muito úteis naqueles dias de preguiça de sair de casa.

  1. Pneus carecas

O Russia Beyond desafia seus leitores a descrever algo mais inútil do que um pneu careca nos comentários abaixo. Estamos sem palavras. 

  1. Fósforos, sal, açúcar e trigo sarraceno

Na Rússia, é muito comum ouvir a expressão “reserva de emergência” (neprikosnovennyzapas, ou NZ). Todo russo sabe o que isso significa – e é por isso que eles armazenam alguns itens vitais para situações críticas.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Leia mais