Kokurki, o ‘bolovo’ da Páscoa russa

Legion Media
Diferentemente de versão encontrada em padarias e botecos no Brasil, esses salgados são fritos em massa de centeio. Além disso, na Rússia, têm espaço garantido na mesa da Páscoa ortodoxa.

Kokurki é um quitute fácil de fazer e ainda mais fácil de armazenar. Com essa receita, é possível manter os ovos cozidos frescos por uma semana sem conservantes.

Esses bolinhos de ovo envoltos em massa de centeio se parecem muito com o ‘bolovo’ brasileiro (feito, porém, com carne) e apareceram pela primeira vez na Rus medieval após a adoção do cristianismo. É por esse motivo que a tradição de prepará-los está intimamente ligada à Páscoa. Depois do feriado, sempre sobrava alguns ovos pintados que não haviam sido consumidos durante as celebrações.

Para não desperdiçar comida, as donas de casa assavam os kokurki, embrulhando os ovos cozidos em uma “casca” de massa de centeio. Dessa forma, o ovo dentro da massa ficava fresco por uma semana, se não mais; além disso, graças às propriedades particulares da farinha de centeio, os kokurki não ficavam duros ou mofados por dentro. Também por isso se tornou um alimento básico para consumo durante longas viagens e ainda eram tradicionalmente servidos com sopa.

Há uma história de kokurki que remonta ao passado imperial da Rússia, segundo relata Valentin Pikul em seu livro ‘Palavra e Ação’. Quando a jovem Anna Ioannovna subiu ao trono russo, os militares não recebiam seus salários havia muito tempo. Depois de várias discussões com o marido, a mulher do capitão Ulita Demianovna decidiu ir atrás da imperatriz implorar a ela que pagasse o salário de seu marido.

Para marcar uma reunião com a imperatriz, Ulita Demianovna foi visitar sua parente distante, Anna Iuchkova, que era a favorita de Anna Ioannovna. Além de outros presentes, levou kokurki caseiros consigo para agradar Iuchkova. Esta, porém, disse à esposa do capitão que havia parado de comer ‘comida tão simples’ – de qualquer modo, não recusou os quitutes e organizou uma reunião com a imperatriz.

Ingredientes

6 ovos cozidos

600g de farinha de centeio

200g de sour cream (creme de leite azedo)

50g de água

30g de manteiga

Sal a gosto

Modo de preparo

Ferva os ovos.

Dilua o sour cream com a água e adicione sal.

Misture com a farinha de centeio e sove até se tornar uma massa grossa.

Descasque os ovos cozidos e deixe esfriar.

Divida a massa em seis partes iguais e abra em discos com 3 a 5 mm de espessura.

Embrulhe os ovos cozidos com a massa.

Asse a 180℃por 20 a 25 minutos.

Depois de assados, finalize com um pouco de manteiga sobre os kokurki.

Ainda no clima da Páscoa? Mesmo que não esteja, essa receita de bolo makovnik vale pelo sabor e supostamente atrai riqueza. 

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? 
Clique 
aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies