Zmei Gorinitch, o filho russo de Daenerys Targaryen

Estátua gigante de Zmei Gorinitch na Região de Lipetsk.

Estátua gigante de Zmei Gorinitch na Região de Lipetsk.

kudikina-gora
A cobra das montanhas, um dragão eslavo de três cabeças, é personagem extremamente popular com dezenas de mitos e lendas. Há desenhos animados e monumentos sobre ele por toda a Rússia.

Quase toda mitologia nacional inclui seu próprio dragão. Normalmente, o dragão é guardião de algo e considerado impossível de derrotar até que um herói aparece de repente, com truques e poderes, derruba o monstro em uma batalha.

A versão russa desse dragão é chamada Zmei Gorinitch, que significa “Cobra das Montanhas”. Ele normalmente vive nas montanhas ou na floresta, que são uma só palavra em algumas línguas eslavas.

“Gorinitch” é o sobrenome do dragão, que na Rússia é baseado no nome do pai. No folclore, Gorinia é um herói épico das montanhas.

Diferentemente dos filhos de Daenerys, o dragão russo fala. Ele normalmente tem tr~es cabeças – apesar de por vezes ter sete ou até nove – e é tão enorme que tampa o sol quando voa.

Ele é amedrontador e pode soltar faíscas, fumaça e fogo.  Dracarys!

Um poema antigo eslavo descreve assim p dragão: “Zmei Gorinitch, uma cobra terrível com três cabeças e sete rabos. Uma chama sai de suas narinas. A dumaça vem de suas orelhas. As garras de cobre brilham nas patas”.

O inimigo de Zmei é normalmente um herói épico, o bogatir Dobrinia Nikititch. De acordo com a lenda, quando Dobrinia bate no dragão pela primeira vez, ele implora por piedade. O herói o liberta e o dragão logo em seguida rapta a princesa, forçando Dobrinia a lutar contra ele novamente.

Desta vez, porém, a batalha é épica e mortal e dura três dias e três noites.

Viktor Vasnetsov. A Batalha de Dobrinia Nikititch com Zmei Gorinitch de Sete Cabeças.

O artista russo Viktor Vasnetsov, mais conhecido por suas pinturas de famosos “bogatirs”, criou também “A Batalha de Dobrinia Nikititch com Zmei Gorinitch de Sete Cabeças” (1918).

Ivan Bilibin. “Dobrinia Nikititch livra Zabava Putiatitchna de Zmei Gorinitch”.

Já o conhecido ilustrador Ivan Bilibin, também criou diversos desenhos de Zmei, um dos quais compõe a coleção do Museu Russo de Sâo Petersburgo e retrata Dobrinia libertando a princesa do dragão.

Nicholas Roerich. “A vitória”.

Nicholas Roerich criou sua própria interpretação da história. Em 1942, ele pintou “A vitória”, que de acordo com críticos, mostra o uniforme nazista com cores parecidas com o dragão.

Nas animações russas, onde o dragão abunda, algumas dessas personagens buscam se livrar da própria natureza malvada e aprendem a ser boas.

Os russos gostam tanto de um dragão que São Jorge, o santo cristão que derrotou um dragão e salvou uma princesa, é símbolo oficial de Moscou.

Zmei Gorinitch no Parque Kudikina Gora, na região de Lipetsk.

Um dos maiores projetos urbanos recentes também é um parque temárico chamado Kudikina Gora, na região de Lipetsk (460 quilômetros a sul de Moscou), que inclui uma enorme figura de Zmei cheio de chamas.

Zmei Gorinitch no Parque Divo-Ostrov, em São Petersburgo.

Monumentos a Zmei foram construídos também em Siktivkar (1.300 quilômetros a nordeste de Moscou), Novosibirsk (3.300 quilômetros a leste de Moscou) e São Petersburgo.

Outro Gorinitch em São Petersburgo.

Outro Gorinitch em São Petersburgo.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies