Rússia criará seu primeiro bloqueador de satélites

Alexey Kudenko/Sputnik
Novo equipamento será a primeira aeronave do país capaz de ‘desligar’ satélites militares estrangeiros em conflitos.

Em meados de 2018, engenheiros russos começaram a trabalhar em uma aeronave da próxima geração para combates eletrônicos chamada “Porubchik-2”. Será a geração seguinte da já bem conhecida aeronave Il-22 “Porubchik” com o intuito de “cegar” jatos inimigos, bombardeiros e sistemas de defesa baseados em terra.

A última é um equipamento da era soviética já se tornando ultrapassado que foi modernizado algumas vezes para cumprir com os desafios dos sistemas eletrônicos, que se expandem rapidamente.

“Na guerra moderna, a maior parte das armas é baseada na interação com navegação via satélite. Em primeiro lugar, os satélites fornecem fotos de um campo de batalha para postos de controle, além de fornecer navegação GPS à aeronave e, principalmente, dirigir os mísseis ao alvo”, disse ao Russia Beyond o analista militar Dmítri Safonov.

Segundo ele, estabelecer ruídos de comunicação eletrônicos na operação de tais satélites cegaria os mísseis e os tornaria inaptos para o uso em conflitos.

“Armas de precisão são baseadas em terra em conflitos modernos. Nos próximos anos, seu poder destrutivo baterá com os nucleares. Então, deixar seu inimigo sem possibilidades de usar tais armas é algo baseado em terra”, explica Safonov.

Visual de águia

O desenvolvimento da fuselagem e do visual da nova aeronave estão em andamento agora. Mas especialistas acreditam que ela será maior que a versão anterior, a Il-22 "Porubchik".

"Os sistemas eletrônicos capazes de ‘desligar’ os satélites ou apenas causar interferências neles exigem muita energia e geradores suficientes. Portanto, o novo avião requer um grande espaço interno e fuselagem. Os novos sistemas provavelmente serão baseados na aeronave de transporte militar Il-276”, disse ao Russia Beyond o editor-chefe da revista militar especializada “Arsenal Ótetchestva”, Víktor Murahosky.

O Il-276 é um avião de transporte militar aéreo de médio porte que pode transportar com facilidade 12 toneladas de carga percorrendo distâncias de 2.700 quilômetros a uma velocidade de 870 quilômetros por hora.

Cada uma dessas aeronaves custa 40 milhões de dólares e, acredita-se, sua base será perfeita para o desenvolvimento do Porubchik-2.


Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? 
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies