10 coisas que você TEM que fazer no lendário parque soviético VDNKh

Legion Media
Maior parque temático soviético de Moscou fica a apenas 20 minutos do Kremlin. E é imperdível!

O VDNKh, sigla em russo para Exposição dos Êxitos da Economia Nacional, foi inaugurado em Moscou no verão de 1939. Ele tem um território enorme com dezenas de pavilhões, fontes, lagoas, zonas de lazer, cafés e restaurantes.

Assim, não é de surpreender que o VDNKh seja um dos espaços públicos mais populares entre moscovitas e turistas. Ele é basicamente um gigantesco parque temático soviético onde se pode passar o dia inteiro com prazer!

1. Admire as joias da arquitetura soviética

A maior parte dos pavilhões do VDNKh foi construída nos anos 1950, apesar de alguns edifícios remontarem ao final da década de 1930.

Assim que entrar pelo arco na entrada principal, você verá o enorme Pavilhão Central, uma estrutura stalinista decorada com altos relevos narrando a história da União Soviética. Logo atrás dele, fica a famosa Fonte da Amizade dos Povos, que tem esculturas de 16 jovens mulheres vestidas com os trajes nacionais das diferentes repúblicas soviéticas e se tornou o principal símbolo do VDNKh.

Duas aleias partem da fonte e, andando por elas, você verá pavilhões dedicados a diversos setores da economia (metalurgia, transporte etc.), além de pavilhões dedicados às diferentes repúblicas (Quirguistão, Armênia etc.). Eles são 50, no total, e todos ecléticos, de maneira impressionante, incorporando estilos arquitetônicos de uma grande variedade de períodos de tempo e nações.

2. Exercite-se

Você quer ver todo o VDNKh em um só dia? Então é melhor alugar uma bicicleta ou um patinete - há dezenas de pontos para fazê-lo no parque. Só é preciso lembrar que o parque cobre uma área de dois quilômetros quadrados, então será uma longa visita.

No verão, pode-se praticar todos os tipos de esportes ali: há aulas de wakeboard, é possível se equilibrar sobre cordas ou, para fãs de esportes para o cérebro, xadrez.

No inverno, é montada no VDNKh a maior pista de patinação no gelo da cidade, localizada ao lado do Pavilhão Central.

  1. Descubra os segredos do espaço

Mesmo que você não esteja interessado na exploração espacial, com certeza amará o Museu da Cosmonáutica. Ali pode-se ver os pertences pessoais de cosmonautas, juntamente com modelos da Mir e da Estação Espacial Internacional, as estações automáticas Luna-9 e Venera-1, trajes espaciais e satélites artificiais da Terra.

O museu tem palestras e conferências científicas, por isso você poderá até encontrar pessoas que trabalham na indústria espacial no local. Se cansar de olhar a exposição, você também pode dar um pulo na cantina do museu, elogiada por muitos de seus visitantes.

Ali também há suvenires curiosos, como crachás espaciais, comida de cosmonauta e até mesmo fragmentos de meteoritos.

4. Coma como um soviético

Restaurante “Moskóvskoe nébo”.

Se você gosta de culinária tradicional soviética e russa, boas notícias: há uma incrível variedade de cafés e restaurantes no VDNKh servindo a salada Olivier, "arenque sob casaco de peles" e pelmêni.

O restaurante “Ôttepel” (em português, “Degelo”), no pavilhão 311, recriou o interior dos anos 1950 e, ao mesmo tempo, deu um toque moderno aos pratos soviéticos. O menu inclui bruschetta com espadilha e forshmak, batatas assadas na brasa (do jeitinho que elas eram preparadas acampamento dos pioneiros) com “julienne” (uma caçarola de cogumelos com molho branco) e hummus no pão tipo bagel.

No café “Moskóvskoe nébo” (em português, “Céu de Moscou”), no pavilhão 422, os pratos nacionais das repúblicas soviéticas ficam todos sob o mesmo teto. Ali pode-se comer frango Kiev, assim como pão árabe ao estilo uzbeque e kebabs caucasianos.

Já as sobremesas mais deliciosas lhe aguardam no restaurante “Mitchúrin” (pavilhão 131), cujo título homenageia um pioneiro da seleção de culturas agrícolas.

No Pavilhão dos Transportes, pode-se até mesmo saborear comida espacial de verdade em tubos. Vai encarar?

5. Compre como um soviético

O VDNKh não é só um parque, mas também um enorme shopping center onde se pode comprar todos os tipos de produtos mais incríveis fabricados pelas repúblicas pós-soviéticas. Quer um conjunto de toalhas com bordados de estilo folclórico totalmente inusitado? Você encontra bem ali!

Em seguida, vá ao Pavilhão da Bielorrússia. No Pavilhão do Quirguistão você pode tomar água mineral Jalal-Abad e, algo que não é de surpreender, no Pavilhão da Armênia o conhaque corre solto.

6. Visite os estúdios do Museu Garagem de Arte Contemporânea

Você curte arte contemporânea? Então, vá até a residência dos jovens artistas no pavilhão 317. O prédio, de 1939, foi reformado neste ano e tem 18 estúdios e salas de pintura.

Artistas russos e estrangeiros são convidados a trabalhar ali. Os moradores são selecionados pelo grupo curatorial do Museu Garagem de Arte Contemporânea, e os participantes do programa recebem bolsas de estudos e residência por um período de três a seis meses.

Se você quiser visitar os estúdios, é melhor reservar com antecedência no site do programa.

7. Mergulhe no mundo do cinema

Aqueles que amam o cinema devem definitivamente visitar o Museu do Cinema (pavilhão 36). Aqui você pode ver como famosos filmes e desenhos animados soviéticos foram feitos, assistir a um filme interessante por 150 rublos (US $ 2,50) ou assistir a palestras de especialistas.

  1. Fale com robôs

Será que os robôs vão dominar o mundo? Agora você pode perguntar a eles mesmos no Robostation (pavilhão 2). Na exposição, os robôs podem não apenas conversar à beça, como também contar piadas, pintar um retrato de você e até mesmo prever o futuro. Na Robostation, os adolescentes podem ainda assistir a master classes dadas por engenheiros.

  1. Encontre sua vocação

Você quer aprender a preparar café como um barista profissional? Ou a fazer bordados? No VDNKh, há master classes e cursos o tempo todo. No Parque de Artesanato e Tekhnograd pode-se aprender diferentes atividades, de barista a fotógrafo. Você também pode fazer um teste de aptidão e, quem sabe, até receber uma oferta de emprego!

10. Veja o maior aquário da Rússia

O VDNKh é o lar do Moskvarium, um enorme centro de oceanografia e biologia marinha que abriga mais de 12.000 animais marinhos, desde estrelas do mar a tubarões. O Moskvarium tem ainda piscinas onde se pode nadar com golfinhos.

LEIA TAMBÉM: 10 suvenires tradicionais da Rússia para levar para casa

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies