Cresce oferta de turismo russo para Coreia do Norte

Policiais norte-coreanas antes de parada militar

Policiais norte-coreanas antes de parada militar

Bjorn Bergman/Global Look Press
Agência de turismo com sede em Moscou recebeu licença de Pyongyang. Mas, antes de decolar para a península, russos terão que ficar atentos a algumas regras básicas.

A agência de turismo NKOREAN, com sede em Moscou, começou a oferecer passeios turísticos à Coreia do Norte após ser licenciada pelo próprio governo local. Em seu principal ponto de venda, a agência diz “garantir” a segurança dos turistas estrangeiros na península, ressaltando que a agência é aprovada por Pyongyang.

O crescimento do turismo para o país é apoiado também pela União de Agências de Viagens da Rússia. “Para os nossos turistas, isso é muito importante. Existe grande interesse, e as perspectivas são boas”, diz Serguêi Golov, presidente da União.

A NKOREAN abriu poucos meses após a morte do estudante americano Otto Warmbier, foi libertado da prisão na Coreia do Norte em terríveis condições de saúde.

Ao mesmo tempo, um residente de Moscou que falou com RBTH sob condição de anonimato sobre sua experiência como turista na Coréia do Norte disse que não há nada para se preocupar se você "se comportar para sua própria segurança e conforto".

No entanto, um moscovita entrevistado pela Gazeta Russa (sob condição de anonimato) sobre sua experiência como turista na Coreia do Norte, garante que não há nada para se preocupar “se você se comportar para sua própria segurança e conforto”.

Segundo ele, turistas em visita ao país não devem fazer declarações críticas sobre a elite governante norte-coreano, ou até mesmo “se abster de falar de política”. Entre outras dicas, deve-se evitar conversas com os moradores locais, não tirar fotos de zonas restritas ou militares, e não passear pela cidade por conta própria livremente.

“Certifique-se ainda de excluir do seu celular vídeos pornográficos e relacionados à Coreia do Sul antes de chegar ao país”, destacou a fonte, uma vez que “câmeras fotográficas e telefones podem ser verificados na hora de passar pela imigração”.

Apesar dos alertas, a Coreia do Norte oferece algumas atividades inesperadas para visitantes estrangeiros. “O inverno é surpreendentemente propício para esportes de inverno nas estações de esqui – mas não espere padrão St. Moritz [na Suíça], apenas um serviço decente a um preço razoável”, avisa o turista russo.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail?
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.