Moscou ‘inteligente’: como a tecnologia está mudando a vida na cidade

New tram, Vityaz-M, rides on Bolshoi Ustinsky Bridge in Moscow. 04/15/2017

New tram, Vityaz-M, rides on Bolshoi Ustinsky Bridge in Moscow. 04/15/2017

Evgenya Novozhenina/RIA Novosti
Moradores e turistas da maior cidade da Rússia já podem pagar contas, usar o sistema de transportes e até arrumar uma carona - apenas com o celular.

Moscou se transformou em uma cidade que é líder global na introdução de tecnologias inteligentes para cidades e comunicações acessíveis ao logo dos anos. Os moscovitas podem recarregar seus telefones e tablets enquanto esperam o ônibus e acessar a internet através de pontos colocados em postes de luz.

Aqui nós trazemos alguns exemplos do que já existe na cidade.

1. Wi-Fi de graça para todos

Foto; Moskva AgencyFoto; Moskva Agency

Os moscovitas não não se imaginam sem internet de graça no metrô. Na verdade o wi-fi está disponível no sistema de transportes subterrâneo desde 2013, mas agora foi unificado com o sistema do transporte de superfície, se tornando apenas um sistema conjunto. Graças a isso os passageiros não precisam se registrar em várias redes diferentes (para acessar o wi-fi na Rússia é necessário fazer um registro). Redes de internet gratuita também estão disponiveis em 24 parques da cidade, como o VDNKh, Parque Górki, Parque da Vitória, Zoológico e Parque Tsaritsino.

2. Aplicativo para navegar pelo sistema de transportes

Foto: Nikolai Galkin/TASSFoto: Nikolai Galkin/TASS

Graças ao aplicativo do Metrô de Moscou, disponível em russo e inglês, você pode planejar sua viagem em todos os meios de transporte público, incluindo o Anel Central de Moscou, transporte de superfície, trens urbanos e os trens da Aeroexpress, que ligam a cidade a 3 de seus aeroportos. o aplicativo também calcula as tarifas, algo muito conveniente para os turistas. Você pode usar o aplicativo para carregar seu cartão Troika, usado no sistema de transportes, ver histórico de pagamentos, achar estacionamentos próximos às estações de metrô e mesmo se há vagas para deixar o seu carro. Além disso o aplicativo traz locais de interesse e ajudar a planejar seu itinerário pela cidade.

3. Pagando a tarifa com o seu telefone

Foto: Andrey Lubimov/Moskva AgencyFoto: Andrey Lubimov/Moskva Agency

Os donos de smartfones são capazes não apenas de andar por Moscou mas também pagar suas tarifas do transporte usando o Samsung Pay ou o Apple Pay. Isso está disponível em estações de trem do Anel Central de Moscou e em 80 estações de metrô pela cidade. No futuro será possível pagar com o telefone diretamente nas catracas, em todas as estações.

4. Pontos para recarregar o telefone

Foto: Vyacheslav Prokofyev/TASSFoto: Vyacheslav Prokofyev/TASS

Ficou sem bateria em Moscou? Em 27 estações de metrô e 16 estações de trem do Anel Central de Moscou você poderá usar pontos para uma carga extra. Também há saídas USB para carregar telefones dentro dos novos trens do metrô, o Moscou, que hoje é usado na linha Tagansko-Krasnopresnenskaya. Os novos ônibus elétricos também virão com pontos USB para carregar telefones, mas eles ainda não têm data para entrar em funcionamento.

5. Pontos de ônibus “inteligentes“

Foto; Sergei Karpov/TASSFoto; Sergei Karpov/TASS

Desde 2016 pontos de ônibus “inteligentes” estão em operação em algumas das principais vias da cidade (Vias Expressas Kashirskoye, Volgogradskoye, Varshavskoye e Ryazanskoye, além da Avenida Leninsky). Eles possuem pontos para carregar telefones e tablets, wi-fi gratuito, quadro de horários eletrônico, botões de alarme e telas touchscreen com informações sobre a região, incluindo restaurantes, cafés e bancos, além de números de emergência. As cabines são equipadas com vidros temperados, para proteger os passageiros do frio, além de iluminação e máquinas de emissão de bilhetes.

6. Compartilhamento de veículos a apenas 1 clique

Foto: Artyom Geodakyan/TASSFoto: Artyom Geodakyan/TASS

Serviços de aluguel de carros por um curto período estão ganhando popularidade na Rússia. Hoje 5 deles estão disponíveis em Moscou: AnytimeYouDriveDelimobilBelkaCarCar5. Para alugar um carro é necessário baixar o aplicativo do serviço, fotografar o seu passaporte, carteira de motorista, colocar no aplicativo e, por fim, informar o número do seu cartão. O registro leva algumas horas, e depois disso você poderá usar o aplicativo para achar o carro mais próximo. Quando terminar de usar é só deixar o veículo em um estacionamento. A Delimobil planeja usar carros elétricos a partir de 2018.

7. Energia alternativa para a internet

Foto: Kirill Kallinikov/RIA NovostiFoto: Kirill Kallinikov/RIA Novosti

Desde 2012 a iluminação em parques de Moscou funciona com baterias solares, ou paineis de luz, que não precisam de luz do sol para gerar eletricidade: apenas a luz do dia é suficiente. Além disso os paineis solares fornecem eletricidade para um roteador no parque Izmailovo. Ao todo são usados 5 paíneis com 1,5 m² cada.

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.