Rublo fraco joga país no top 10 de destinos turísticos mais visitados

Mais de um milhão de chineses esteve na Rússia em 2015.

Mais de um milhão de chineses esteve na Rússia em 2015.

Serguêi Shakhidzhanian/TASS
Fluxo de 31,6 milhões de visitantes em 2015 foi composto, em grande parte, por asiáticos.

A Rússia ocupou o 10º lugar no ranking dos destinos turísticos mais visitados em 2015, de acordo com anúncio da Organização Mundial de Turismo das Nações Unidas (UNWTO, na sigla em inglês).

O maior volume de turistas no país foi composto por visitantes provenientes de países do Sudeste Asiático e do Oriente Médio, segundo a Agência Federal de Turismo da Rússia.

"O número de chineses que visitaram a Rússia no ano passado ultrapassou 1 milhão de pessoas. Devido ao regime de isenção de vistos de turismo, também cresce o fluxo de turistas vindos da Coreia do Sul. O número de iranianos que visitaram a Rússia praticamente dobrou, em relação ao ano anterior”, explica o porta-voz da agência.

“Graças à realização dos anos bilaterais com a Espanha e França, esperamos um crescimento do fluxo turístico desses países no futuro", completa.

Os representantes da indústria do turismo da Rússia explicam que o crescimento se deve à crise econômica no país.

"O rublo fraco tornou a Rússia um destino mais acessível para muitos estrangeiros que tradicionalmente buscariam outros destinos", diz o diretor da operadora de turismo Trans Show Tour, Serguêi Nazarov.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.