Moscou ganhará novos semáforos para auxiliar pessoas com deficiência

Módulos de som e vibração serão inicialmente instalados em 30 pontos da capital Foto: Lori / Legion Media

Módulos de som e vibração serão inicialmente instalados em 30 pontos da capital Foto: Lori / Legion Media

Módulos de som e vibração serão inicialmente instalados em 30 pontos da capital. Iniciativa faz parte de plano nacional para tornar as cidades mais acessíveis.

A capital russa será equipada com cerca de 30 semáforos com módulos de som e vibração para ajudar as pessoas com deficiências visuais e auditivas a atravessar as vias com mais segurança, de acordo com um comunicado do Centro de Gerenciamento de Tráfego de Moscou.

 “A infraestrutura de transporte de Moscou deve ser adaptada a todos os moradores”, diz Vadim Iuriev, chefe do Centro de Gerenciamento de Tráfego, citado no nota. 

Estamos trabalhando ativamente em programas que tornarão o transporte mais confortável para pessoas com mobilidade reduzida. O uso de tais módulos nos semáforos de Moscou vai ajudar as pessoas com visão e audição prejudicada a atravessar a rua com facilidade.”

Os módulos também vão tocar uma melodia distinta para alertar os pedestres que eles têm sete segundos para chegar à próxima calçada antes que o sinal fique vermelho.

Embora o comunicado oficial não estipule um cronograma específico para a instalação dos módulos, a expectativa é esse processo seja finalizado até ao final deste ano.

Em 2011, a Rússia lançou um plano de cinco anos para tornar as cidades mais adequadas para pessoas com deficiência. Entre as medidas do projeto planeja-se a construção de novas escolas, instalações esportivas e infraestrutura de transporte.O objetivo é que 45% das grandes instalações públicas e de transportes tenham acesso facilitado até 2016.

 

Publicado originalmente pelo jornal The Moscow Times

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.