Operadora suspende viagens de trem entre Rússia e Estônia

Cancelamentos foram provocados por queda acentuada no número de passageiros Foto: Serguêi Mikheev/RG

Cancelamentos foram provocados por queda acentuada no número de passageiros Foto: Serguêi Mikheev/RG

Dezenas de pessoas foram à estação central de Tallinn, capital da Estônia, para acompanhar a partida do último tremo rumo a Moscou. País do Báltico suspendeu comunicação ferroviária que estava em operação havia 65 anos.

A companhia ferroviária estoniana Go Rail enviou seu último trem para Moscou no domingo passado (17), depois de suspender as rotas para São Petersburgo no início do mês. Já o último trem de Moscou para Tallinn iniciou viagem na noite de segunda-feira, suspendendo por completo as viagens por trem entre os países.

“Os cancelamentos foram provocados por uma queda acentuada no número de passageiros”, anunciou o diretor da Go Rail, Alar Pinsel, em um comunicado oficial. “A Go Rail não tem recursos para operar a rota após o declínio do fluxo de viajantes.”

O número de passageiros de trem entre Rússia e Estônia diminui 43% em relação a 2014, segundo dados registrados em março passado pelo departamento de estatísticas da Estônia. O declínio acentuado do rublo tem feito com que mais russos passem férias em casa, garantem especialistas.

Ainda segundo Pinsel, a companhia federal estoniana Eesti Raudtee está em negociações com a também estatal Ferrovias Russas para retomar as viagens de trem entre Moscou e Tallinn.

 

Publicado originalmente pelo The Moscow Times

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.