Rede de Universidades do Brics deve sair do papel em setembro

Vice da Educação, Aleksandr Klimov (centro) anunciou novidade durante conferência internacional em São Petersburgo Foto: Press Photo

Vice da Educação, Aleksandr Klimov (centro) anunciou novidade durante conferência internacional em São Petersburgo Foto: Press Photo

Vice-ministro da Educação falou sobre assunto durante conferência internacional de educação que terminou na última sexta-feira (15). Além disso, ele anunciou que, em outubro de 2015, será realizada na Mgimo (do russo, Instituto Estatal Moscovita de Relações Internacionais) a cúpula global de universidades dos países Brics.

Prometida desde a cúpula de Fortaleza, a Rede de Universidades dos países Brics deverá ser formada em setembro deste ano, anunciou o vice-ministro da Educação e Ciências da Rússia, Aleksandr Klimov durante a conferência internacional "Educação e cidades globais: perspectivas do Brics", em São Petersburgo.

"Em setembro de 2015 planeja-se realizar um grande evento para a formação da Rede de universidades do Brics. Convidamos todos a participar. E, em outubro de 2015, será realizada na Mgimo [Instituto Estatal Moscovita de Relações Internacionais] e em outras universidades parceiras em Moscou a cúpula global de universidades dos países Brics", disse Klimov.

Finalizada na última sexta-feira (15), a conferência fez parte da programação oficial da presidência russa no Brics e teve apoio da pasta. Participaram do evento quase 400 especialistas, representantes de instituições de ensino superior e médio, de governos e empresários de todo o mundo.

"Estamos contentes de se reunirem hoje aqui representantes de diferentes países para discutir questões da educação, e não apenas dela. Porque, discutindo de qual maneira as universidades são construídas nas cidades e de que forma a cidade é construída na universidade, se a universidade é eficiente, se está na agenda do dia para a cidade, para a região, para o país em geral e para os grupos internacionais, essa é a questão mais importante, de qual maneira irão se desenvolver no futuro nossas universidades em conjunto com as de vocês, nossa parceria", disse o Klimov na abertura do evento.

Ele também anunciou que entre 25 e 26 de junho deste ano deverá ocorrer uma reunião do grupo de trabalho do Brics sobre educação, e em novembro acontecerá em Moscou o encontro entre altos funcionários e ministros da Educação.

"Acreditamos que nós devamos em cerca de um mês e meio acordar a construção inicial da universidade dos países Brics e avançar com isso já em setembro para que neste mês já exista oficialmente a Rede de Universidades do Brics, que é apoiada por todos os países-membros da união Brics", disse o vice-ministro.


 

Com material da agência Ria Nôvosti

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.