Extremismo avança nas cadeias russas

Número de presos por crimes relacionados a extremismo aumentou desde o ano passado Foto: ITAR-TASS

Número de presos por crimes relacionados a extremismo aumentou desde o ano passado Foto: ITAR-TASS

Número de detentos que espalham ideais extremistas em prisões nacionais aumentou 40% desde o ano passado.

“Cerca de 425 presos são suspeitos de promover ideologias extremistas atrás das grades”, declarou o chefe do departamento de educação do Serviço Penitenciário Federal, Váleri Trofimov.

Segundo ele, índice atual se deve ao aumento do número total de pessoas condenadas por crimes relacionados a extremismo – de 1.056 no ano passado para 1.199 este ano.

“Esses prisioneiros são fichados com um registro preventivo e supervisionados pelos funcionários mais experientes”, acrescentou Trofimov.

 

Publicado originalmente pelo The Moscow News

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.