Novo Mi-28 será enviado à Síria para combater o EI

Mi-28s durante missão

Mi-28s durante missão

Boris Egorov
Última atualização do helicóptero Mi-28 chegará à Síria nas próximas semanas para continuar as missões contra grupos terroristas que atuam no país.

Uma nova versão do helicóptero Mi-28UB, conhecido como ‘Caçador Noturno’, será transportada para a base aérea russa na Síria dentro das próximas semanas. O objetivo da fabricante, Russian Helicopters, é testar a nova armadura e novos mísseis na linha de frente.

“A Russian Helicopters fortaleceu a blindagem da parte frontal e aperfeiçoou o ‘cérebro’ do veículo”, disse à Gazeta Russa uma fonte do complexo industrial-militar.

Em um futuro próximo, a nova versão do helicóptero realizará missões de busca e captura contra o Estado islâmico no Oriente Médio. Uma das novas características do Mi-28 é que ambos os pilotos terão total controle sobre o dispositivo.

“Isso significa que, se qualquer um deles for ferido, o outro será capaz de operar de forma independente, ou seja, ter sob controle todos os sistemas de navegação, voo e disparo”, acrescentou a fonte da defesa.

Habilidades do ‘Caçador’

O principal objetivo desse helicóptero de ataque é dar suporte para tropas terrestres e forças especiais que operam em solo. Foi projetado para destruir tanques, blindados e alvos voando em baixa altitude, além de outros helicópteros e aviões.

Helicóptero russo Mi-28 (Fonte: Vitáli Ankov/RIA Nôvosti)Helicóptero russo Mi-28 (Fonte: Vitáli Ankov/RIA Nôvosti)

O Exército russo já dispõe de um lote do Mi-28, mas qualquer modificação de armas deve passar por um rigoroso processo antes de seguir para o campo de batalha.

Em entrevista à Gazeta Russa, a fonte do complexo industrial militar russo afirmou também que o Mi-28 cumpre todas as normas militares internacionais. “Além de ser o inferno na terra com suas metralhadoras e mísseis, pode lutar junto com tanques.”

Os alvos variam, segundo o especialista, de soldados inimigos a sistemas de artilharia e até mesmo de defesa aérea. “Além disso, é um dos poucos helicópteros capazes de realizar manobras acrobáticas”, disse a fonte.

Mi-28 em ação na Síria

A versão anterior desses veículos desempenhou um papel importante na libertação da cidade síria de Palmira (antes controlada pelo Estado Islâmico) em março de 2016.

Vídeos registrados na época mostravam a destruição de veículos blindados do Estado Islâmico com mísseis antitanque guiados e de militantes escondidos em uma casa.

Mi-28N em missão perto da base aérea de Hmeimim (Vídeo: Минобороны России)

Essas operações constituíram o primeiro uso registrado dos ‘Caçadores Noturnos’ contra os terroristas do EI. Anteriormente, o uso de tais helicópteros estava limitado à proteção da base de Hmeimim, onde estão baseadas as forças aéreas russas na Síria.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail?
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.