Vídeo compara antes e depois de invasão de Palmira pelo EI

Imagens liberadas por Defesa russa mostram destruição de cidade histórica na Síria.

As tropas do presidente sírio Bashar al-Assad avançam rumo à cidade de Palmira graças ao apoio da aviação russa. Atualmente, o Exército se encontra a 20 km dali e se prepara para uma nova série de combates por uma das principais regiões do país.

Paralelamente, os grupos de investigação russos registraram o resultado das barbaridades cometidas por guerrilheiros do Estado Islâmico nessa área histórica.

Nas imagens, divulgadas pelo Ministério da Defesa russo, é possível ver claramente que os terroristas demoliram o proscênio (a parte central do antigo teatro romano) e as colunas do tetrápilo, um edifício de “quatro portas” construído no ano de 270 d.C.

Fonte: YouTube/Ministério da Defesa da Rússia

De acordo com as últimas informações liberadas pelos militares russos, fileiras de caminhões de guerrilheiros continuando chegando à parte histórica de Palmira.

O objetivo dos terroristas, segundo a Defesa russa, é transportar explosivos para a região e implantar minas nos monumentos a fim de conter as tropas inimigas no caso de uma eventual retirada.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail?  
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.