Rússia e Uruguai acertam cooperação em defesa e energia

Após o encontro com Vázquez, Pútin se referiu ao Uruguai como “parceiro confiável na América Latina”

Após o encontro com Vázquez, Pútin se referiu ao Uruguai como “parceiro confiável na América Latina”

Kremlin.ru
Acordos foram assinados durante visita oficial de líder uruguaio, Tabaré Vázquez a Moscou. Agricultura é um dos pilares de parceria econômica entre países, segundo Pútin.

A Rússia e o Uruguai assinaram uma série de acordos de cooperação, sobretudo em defesa e energia, após as conversações entre Vladímir Pútin e seu homólogo uruguaio, Tabaré Vázquez. O encontro entre os líderes ocorreu na quinta-feira (16), em Moscou.

“Discutimos as perspectivas de implementação de projetos conjuntos no setor de energia. Em particular, empresas como Gazprom e Power Machines poderiam assessorar na modernização de usinas hidrelétricas uruguaias e no fornecimento das matérias-primas necessárias”, disse Pútin, após as negociações no Kremlin.

No setor de defesa e tecnologia, as partes assinaram, entre outros documentos, uma declaração conjunta sobre a prevenção da corrida armamentista no espaço sideral. Moscou propôs ainda que Montevidéu considere a aquisição de aviões comerciais Superjet, da Sukhôi, e MC-21, da Irkut.

Em termos de cooperação comercial e econômica entre os países, Pútin destacou que o volume de trocas comerciais entre Rússia e Uruguai caiu nos últimos quatro anos, e acrescentou que “a situação atual está no foco da comissão intergovernamental”.

Segundo ele, a agricultura é uma das principais áreas de atuação conjunta. “Sabemos que o volume das relações comerciais é pequeno, com produtos agrícolas e alimentos totalizando mais de 90%. Há uma oportunidade de ampliar essa cooperação”, disse.

A última visita oficial de um presidente do Uruguai à Rússia havia ocorrido em 1988, embora os países mantenham relações bilaterais em nível elevado em todas as áreas. Este ano marca o 160º aniversário do estabelecimento de laços diplomáticos.

Copa do Mundo

O presidente do Uruguai, Tabaré Vázquez, disse a Pútin ter esperança de que as seleções nacionais de futebol uruguaia e russa se enfrentam na final da Copa do Mundo da Fifa 2018, na Rússia.

“A Copa do Mundo da Fifa será realizada aqui no ano que vem e espero que a final seja entre as seleções do Uruguai e da Rússia”, disse Vázquez.

Em resposta, o presidente russo lembrou a seleção uruguaia foi a primeira a conquistar o título de campeã mundial.

“O Uruguai não é um país muito grande, mas foi o primeiro a se tornar o campeão mundial [de futebol]”, disse Pútin. "Não faço a mínima idéia de qual seja seu segredo, mas, talvez, possa estar enraizado na qualidade da carne e do leite uruguaio, com a qual seus futebolistas são nutridos”, continuou o presidente russo.

Os jogos da Copa do Mundo de 2018 serão realizados entre 14 de junho e 15 de julho, e acontecerão em 12 estádios de 11 cidades russas.

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.