Presidente cazaque participará da Cúpula do Brics

Cazaque é acusado por organizações como a Repórteres Sem Fronteiras, a Transparência Internacional, A Global Witness e a Freedom House em casos de corrupção Foto: Press Photo

Cazaque é acusado por organizações como a Repórteres Sem Fronteiras, a Transparência Internacional, A Global Witness e a Freedom House em casos de corrupção Foto: Press Photo

No cargo desde abril de 1990, Nurssultan Nazarbaev fará companhia a seu análogo bielorrusso, Aleksandr Lukashenko, que também participa de evento.

Assim como o presidente bielorrusso Aleksandr Lukashenko, o líder cazaque Nurssultan Nazarbaev também participará da Cúpula do Brics em Ufá, e da Organização para Cooperação de Xangai (China, Rússia, Cazaquistão, Tadjiquistão, Quirguistão e Uzbequistão), de 8 a 10 de julho. O anúncio foi feito na segunda-feira (29) pela assessoria de imprensa de Nazarbaev.

Entre os pontos em comum entre os governantes, está o fato de ambos ocuparem suas posições já há mais de duas décadas: Lukashenko tornou-se presidente da Bielorrússia em 1994 e cumpre seu quarto mandato, Nazarbaev, do Cazaquistão em 1990.

O cazaque é acusado por organizações como a Repórteres Sem Fronteiras, a Transparência Internacional, A Global Witness e a Freedom House em casos de corrupção, censura e de reinstituir no país o culto ao líder.

 

Com material da agência de notícias Tass

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.