Hackers russos teriam tido acesso à agenda de Obama

Falha facilitou acesso a detalhes em tempo real e não públicos da agenda de Obama Foto: AP

Falha facilitou acesso a detalhes em tempo real e não públicos da agenda de Obama Foto: AP

Uma falha de segurança no sistema de computador da Casa Branca pode ter contribuído para que hackers russos tivessem acesso a informações confidenciais sobre o presidente dos EUA, Barack Obama, informou a CNN nesta quarta-feira (8).

Os hackers russos, que estariam por trás de ataques a servidores do Departamento de Estado dos Estados Unidos nos últimos meses, foram capazes de usar essa brecha para entrar em áreas confidenciais do sistema da Casa Branca, de acordo com o canal de notícias CNN.

A Casa Branca, que notou pela primeira vez as atividades suspeitas em outubro passado, disse que a invasão tinha afetado apenas uma rede não classificada que opera no Gabinete Executivo do Presidente dos EUA.

No entanto, as autoridades norte-americanas citadas pela CNN garantiram que a falha facilitou o acesso a informações confidenciais, como detalhes em tempo real e não públicos da agenda de Obama.

A notícia foi divulgada após o ex- chefe da Agência de Inteligência de Defesa, Michael Flynn, ter dito à Fox News que havia uma chance “muito grande” de que a conta de e-mail da ex-secretária de Estado dos EUA, Hillary Clinton, tivesse sido invadida por agências de inteligência estrangeiras “adversárias” na Rússia, China, Irã ou Coreia do Norte.

Clinton, que deve anunciar a sua intenção de concorrer à presidência dos Estados Unidos nas próximas semanas, foi recentemente criticada por usar sua conta de e-mail particular para trocar correspondência de trabalho durante seu tempo no gabinete – uma prática que justificou por uma questão de “conveniência”.

 

Publicado originalmente pelo The Moscow Times

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.