Emendas à legislação estipulam prisão perpetua a terroristas

Treinamento e condução de sequestros em atos terroristas também poderão resultar em prisão perpétua Foto: ITAR-TASS

Treinamento e condução de sequestros em atos terroristas também poderão resultar em prisão perpétua Foto: ITAR-TASS

Câmara dos deputados aprovou medidas que endurecem punições para pessoas que organizarem e conduzirem atos extremistas.

Na sexta-feira passada (28), a Duma de Estado (câmara dos deputados na Rússia) aprovou em primeira leitura um projeto de lei que concede mais poderes ao Serviço Federal de Segurança e prevê sanções severas para atividades terroristas. 

Liderados pela deputada Irina Iarovaia, que preside a comissão de Segurança e Anticorrupção, os autores das emendas propuseram prisão perpétua não só pela realização de atos terroristas, mas também para o treinamento, criação de grupos extremistas e sequestros voltados a atividades terroristas.

Pela legislação atual, a pena máxima para tais crimes é de 10 a 15 anos de prisão.

 

Publicado originalmente pela agência Itar-Tass

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.