Spief-2014: Contatos de “alta velocidade” entre Rússia, Alemanha e China

Em entrevista à Gazeta Russa no Fórum Econômico de São Petersburgo (Spief-2014), o diretor-geral da “Ferrovias de alta velocidade”, Aleksandr Micharin, fala sobre como a crise ucraniana afetou os negócios e os potenciais investidores que estão ganhando terreno no país.

 

A JSC “Ferrovias de Alta Velocidade”, subsidiária da "Ferrovias Russas", está trabalhando em projetos inovadores na área de transportes ferroviários. No momento, o projeto principal é a ferrovia Moscou-Kazan, que está sendo construída para a Copa do Mundo de 2018. Para cumprir as exigências Fifa, a empresa trabalha em parceria com a AECOM, PWC, Freshfields e Ernst & Young.

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.