Desfile reúne bondes antigos e raros em Moscou; veja fotos

Atualmente, Moscou possui 47 linhas do bonde, em que operam mais de 750 veículos durante os dias de semana. Nesta data, porém, bondes de diferentes épocas percorrem o centro da capital.

Atualmente, Moscou possui 47 linhas do bonde, em que operam mais de 750 veículos durante os dias de semana. Nesta data, porém, bondes de diferentes épocas percorrem o centro da capital.

Kirill Zikov/Agência Moskva
Os bondes estão se tornando um modo cada vez mais raro de transporte na capital russa. Mas, ainda assim, os moscovitas os adoram. Todos os anos, em 15 de abril, a abertura do primeiro elétrico de Moscou, em 1899, é celebrada em grande estilo e com diversas atividades para a garotada.
E os moscovitas puderam checar de perto 16 modelos retrô.
​Os passageiros acabam sendo transportados para períodos diversos do século passado.
Para os visitantes-mirins, as brincadeiras eram muitas – desde a chance de produzir um modelo de bonde em papelão até mesmo sentar ao volante de um bonde real.
Embora as máquinas para validar bilhete sejam uma novidade recente nos bondes, não houve, este ano, quem não quisesse brincar com esses aparelhos.
Além da animação entre crianças, a última edição do desfile foi um sucesso geral.
Ao lado de modelos mais raros, havia alguns veículos novos, entre eles o Vityaz-M –um bonde elétrico de piso baixo que apareceu recentemente nas ruas de Moscou.
A história do transporte público de Moscou remonta à carruagem puxada por cavalos do século 19.
Os visitantes também puderam conferir bondes que normalmente não são acessíveis para os passageiros comuns. São veículos de apoio técnico, incluindo bondes para a manutenção, limpeza dos trilhos e transporte de carga.
Para dar mais autenticidade ao evento, atores em trajes históricos trabalharam a bordo dos bondes retrô. Nesta foto, retratam os uniformes do tempo de guerra.
Alguns atores estavam vestidos também com roupas pré-revolucionárias.
Outros assumiram o papel de pioneiros (escoteiros) soviéticos.