Custo de estádios para Copa de 2018 ultrapassa os US$ 2 bi

 FIFA and Russia-2018 officials inspect Zenit Arena Stadium in St Petersburg

FIFA and Russia-2018 officials inspect Zenit Arena Stadium in St Petersburg

Alexander Demianchuk / TASS
Sete das arenas russas estão sendo construídas a partir do zero.

No início de junho, o governo de São Petersburgo anunciou o aumento dos custos da construção do Zenit Arena, um dos principais estádios da Copa do Mundo de 2018. O estádio, que sediará as semifinais do torneio, custará mais de US$ 587 milhões.

Coberta por um teto retrátil e com capacidade para 68 mil espectadores, a arena começou a ser construída em 2006. Durante os últimos dez anos, os custos da obra aumentaram em mais de seis vezes, tornando o Zenit Arena um dos estádios de futebol mais caros do mundo.

De acordo com o governador de São Petersburgo, Grigóry Poltávchenko, as despesas adicionais estão relacionadas ao cumprimento dos requisitos de segurança da FIFA e das forças de segurança da Rússia.

O Zenit Arena será um dos 12 estádios russos que sediarão a Copa do Mundo de 2018. Os estádios Otkritiye Arena, em Moscou, e Kazan Arena, em Kazan, já estão prontos, e mais três estão sendo renovados a partir de construções já existentes (Fischt, em Sochi, Estádio Central, em Iekaterinburgo, e Lujniki, em Moscou). Os sete restantes, incluindo o Zenit Arena, estão sendo construídos a partir do zero.

Custo de construção dos novos estádios

Ilustração: Alena Répkina

Infográfico: Alena Répkina

Gostaria de receber as principais notícias sobre a Rússia no seu e-mail?   
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.