Kremlin encerra acordos sobre Frota do Mar Negro com a Ucrânia

Lei federal entrará em vigor a partir da data de publicação oficial Foto: RIA Nóvosti

Lei federal entrará em vigor a partir da data de publicação oficial Foto: RIA Nóvosti

Parâmetros de divisão da frota e permanência foram revogados após assinatura de lei.

O presidente russo Vladímir Pútin assinou uma lei para encerrar o efeito dos tratados russo-ucranianos sobre a Frota russa do Mar Negro, informou a assessoria de imprensa do Kremlin.

“Essa lei federal entra em vigor a partir da data de publicação oficial”, diz o documento.

Segundo a norma, o tratado russo-ucraniano sobre os parâmetros de divisão da Frota do Mar Negro, o tratado sobre o status e as condições de implantação da Frota russa do Mar Negro na Ucrânia, o acordo sobre pagamentos mútuos relacionados com a divisão e permanência da frota e do chamado acordo de Kharkiv sobre a permanência dos navios russos no território da Ucrânia foram anulados.

No último dia 28, Pútin apresentou um projeto de lei sobre a cessação do efeito de tais acordos para debate na Duma de Estado (câmara baixa do Parlamento russo). Três dias depois, o projeto foi aprovado por unanimidade.

 

Publicado originalmente pela agência Itar-Tass

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.