UE barra visita de presidente do Conselho Europeu a Moscou

Presidente da Rússia Vladímir Pútin (esq.) e presidente do Conselho Europeu, Herman Van Rompuy Foto: AP

Presidente da Rússia Vladímir Pútin (esq.) e presidente do Conselho Europeu, Herman Van Rompuy Foto: AP

Herman Van Rompuy foi barrado pela UE, segundo informou o serviço de imprensa do Ministério das Relações Exteriores da Rússia.

A União Europeia não autorizou o presidente do Conselho Europeu, Herman Van Rompuy, a visitar Moscou, segundo informou o serviço de imprensa do Ministério das Relações Exteriores da Rússia.

De acordo com a chancelaria russa, Rompuy queria ouvir em primeira mão a posição da Rússia sobre a situação na Ucrânia.

"No entanto, o presidente do Conselho Europeu foi impedido de ir para Moscou. E foram os seus que lhe proibiram. Aliás, para que ele precisa saber a verdade, se tudo já está decidido?", informou comunicado do Ministério Exterior russo.

"Agora surge uma nova lista de sanções, a de pessoas da UE proibidas de viajar para a Rússia. Por ironia do destino, o primeiro inscrito nesta lista é o presidente do Conselho Europeu", conclui o documento do Ministério das Relações Exteriores.

 

Publicado originalmente pela Voz da Rússia

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.