Operadores turísticos não poderão vender pacotes ao Egito

Onda de protestos por democracia e escalada da violência levaram a Rostourism à proibição dos pacotes para o Egito Foto: Reuters

Onda de protestos por democracia e escalada da violência levaram a Rostourism à proibição dos pacotes para o Egito Foto: Reuters

Resolução foi publicada no site da agência federal Rostourism na quinta-feira passada (15).

Os operadores turísticos começaram a alterar os pacotes para os russos que viajarão para o Egito e estão se adaptando às recomendações da agência federal Rostourism de parar de vender viagens aos resorts egípcios. .

“As pessoas que já compraram os pacotes têm o direito de ir para o Egito, mas isso não é recomendável”, diz Maya Lomidze, diretora-executiva da Associação Russa de Operadores Turísticos.

“Quem tem os documentos, pode voar, mas é melhor não fazê-lo”, acrescentou Lomidze. No entanto, se o passeio foi reservado, mas não ainda não foi pago, as operadoras deverão oferecer outro destino. “Nesses casos, a viagem para o Egito seria cancelada”, acrescenta, dizendo que as empresas de turismo seguirão as recomendações da Rostourism o mais breve possível.

 

 

Publicado originalmente pela ITAR-TASS

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.