A Praça Vermelha através dos tempos (FOTOS)

Russia in photo; Getty Images
Principal praça da Rússia foi e continua sendo palco de importantes eventos políticos e culturais.

1. Antigas Filas do Comércio de Cima (por volta de 1870-1888)

No centro da foto, é possível ver o antigo edifício das Filas do Comércio de Cima (atual loja de departamentos GUM). Na frente da fachada, vê-se o Monumento a Minin e Pojarski.

2. Novas Filas do Comércio de Cima (1893-1896)

As antigas Filas do Comércio de Cima foram demolidas entre 1888 e 1890 e substituídas por um novo edifício em 1892, mais tarde conhecido como GUM (“Principal Loja Universal). A praça começou a parecer mais familiar. Como se pode ver, também fora aberta ao tráfego.

3. Linha de bonde através da praça

Sim, havia um bonde passando pela Praça Vermelha.

4. Guerra e Revolução

Em 1917, a Praça Vermelha foi palco de missas em massa antes que os soldados partissem para a frente durante a Primeira Guerra Mundial.

5. Após a Revolução

Na época soviética, a Praça Vermelha era um dos principais locais de reuniões públicas de Moscou. Nesta imagem, Lênin se dirige à multidão a partir de uma tribuna de madeira:

Antes da morte de Lênin e da construção do famoso Mausoléu, havia em seu lugar uma tribuna temporária. À direita, havia sido erguida uma estátua de um trabalhador comunista.

A estátua pode ser vista nesta foto:

6. O primeiro Mausoléu

Feito de madeira, o primeiro mausoléu de Vladímir Lênin foi construído logo após sua morte em janeiro de 1924.

7. Reconstrução da Praça Vermelha sob Stálin

Na década de 1930, a Praça Vermelha passou por mais uma reforma. Em 1930, o novo Mausoléu de Lênin, agora de granito, foi erguido, com tribunas de pedra em ambos os lados.

O Portão Iverski (à direita do edifício do Museu Histórico do Estado) foi demolido, e o Monumento a Minin e Pojarski acabou sendo transferido para a Catedral de São Basílio.

Depois que este portão foi demolido, a praça se tornou acessível a equipamentos pesados expostos ​​durante os desfiles militares.

8. Segunda Guerra Mundial

Em 7 de novembro de 1941, a Praça Vermelha sediou o primeiro desfile militar durante a guerra.

Em 24 de junho de 1945, o primeiro Desfile da Vitória foi realizado na Praça Vermelha. Bandeiras nazistas foram jogadas no chão pelos soldados vitoriosos do Exército Vermelho.

9. Funeral de Stálin, 1953

O cortejo fúnebre de Stálin, com o caixão sobre uma carruagem, passou pela Praça Vermelha, e o corpo do líder soviético foi colocado no Mausoléu ao lado de Lênin.

O mausoléu manteve os nomes de Lênin e Stálin por vários anos até 1961, quando o corpo de Stálin foi removido e reenterrado perto da muralha do Kremlin.

10. Praça Vermelha nas décadas de 1960-1980

A Praça Vermelha continuou sendo palco de grandes desfiles militares e esportivos:

Mas, em dias comuns, também atraía turistas de toda a URSS.

11. Tempos pós-soviéticos

Nos anos posterior a 1991, a Praça Vermelha presenciou eventos bastante diferentes dos tempos soviéticos – como shows de Red Hot Chili Peppers (1994) e Paul McCartney (2003).

Paul McCartney na Praça Vermelha

Mesmo assim, os desfiles militares continuam sendo um dos destaques da Praça Vermelha.

O portão Iverski foi restaurado em 1995, levando em conta sua forma original.

LEIA TAMBÉM: Como um arquiteto convenceu Stálin a não demolir a Catedral de São Basílio?

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies