Por que as mulheres cobrem a cabeça em igrejas ortodoxas russas?

Komsomolskaya Pravda/Global Look Press
Tradição remonta ao legado de Paulo, o Apóstolo. Apesar de a maioria dos cristãos mundo afora não a manterem, a Igreja Ortodoxa Russa ainda insiste nela.

Se você foi criado na tradição ortodoxa na Rússia e visitou igrejas ortodoxas de quando em quando, com certeza, mesmo sendo criança, ficou chocado ao descobrir que no resto do mundo as mulheres entravam livremente em igrejas sem cobrir a cabeça.

Na tradição ortodoxa, porém, esta uma proibição definitiva. É claro que ninguém expulsaria uma mulher que entrasse em uma igreja ortodoxa sem cobrir a cabeça, mas é provável que ela enfrentasse olhares de desaprovação e julgamento, especialmente das bábuchkas locais (as vovozinhas que estão por toda a parte). A razão é simples: na igreja ortodoxa, a mulher deve cobrir a cabeça com um lenço. Mas por quê?

Fontes confiáveis

Historicamente, todas as mulheres cristãs precisavam usar lenços na cabeça, tradição de tempos bastante antigos. No livro 1 do Coríntios, versículo 11, o apóstolo Paulo diz: “Toda mulher que ora ou profetiza com a cabeça descoberta desonra sua cabeça - é o mesmo que ter o cabelo raspado”. No século 1°, não se aprovava que uma mulher tivesse o cabelo raspado.

O teólogo russo Serguêi Khhudiev interpreta assim as palavras de Paulo: "Na cultura antiga, o cabelo era considerado o elemento mais colorido da beleza feminina, e cobri-lo mostrava modéstia. As heteras gregas (cortesãs) andavam com as cabeças descobertas, enquanto as mulheres de família cobriam a cabeça, mostrando sua lealdade ao marido.”

Hoje, a tradição ainda permanece no cristianismo ortodoxo, apesar de ter sido estabelecida há 20 séculos.

Como disse o patriarca Kirill, chefe da Igreja Ortodoxa Russa, recentemente em uma entrevista: “Por que precisamos usar lenços na cabeça nas igrejas? Por que as pessoas devem pensar nas orações enquanto estão na igreja. Quando uma mulher bonita entra (com o cabelo descoberto), naturalmente atrai a atenção e distrai a missa sagrada”.

Abordagem alternativa

Existem várias religiões cristãs mundo afora que decidiram deixar as mulheres entrar nas igrejas sem cobrir a cabeça. A Igreja Católica Romana passou a permitir a prática durante o Segundo Concílio do Vaticano, de 1962 a 1965.

Hoje, como diz o padre católico russo Kiríll Gorbunov: "Cobrir a cabeça de uma mulher perdeu completamente o sentido na cultura moderna". Mas os cristãos da Europa Oriental não querem deixar de lado as tradições dos primeiros cristãos.

Existem outras igrejas ortodoxas fora da Rússia, entretanto, que também abandonaram a tradição, mas por motivos diferentes. Por exemplo, em diversos países dos Bálcãs, as ortodoxas não usam lenços na cabeça nas igrejas para evitar qualquer semelhança com as muçulmanas, que vestem o hijab. O preconceito não afetou, porém, a Rússia a tal ponto.

 

LEIA TAMBÉM: Por que a maioria dos russos é cristã ortodoxa?

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies