Neve negra cobre cidade da Sibéria

Sinal do fim do mundo? Parece que ainda não, mas é assustador!

O YouTube e as redes sociais têm divulgado imagens de uma neve completamente negra que tomou a cidade de Kêmerovo, na Sibéria ocidental, no dia 14 de fevereiro de 2019. Outras cidades desta região mineira também foram afetadas pelo fenômeno: Novokuznétsk, Prokópievsk e Kiselióvsk.

Segundo a imprensa local, a neve negra se deve a uma fábrica de carbono próxima dali que não teria filtrado bem sua fumaça.

O vice-governador da regão de Kêmerovo, Andrêi Pánov, culpa as caldeiras de carvão, os escapamentos de automóveis e outras fábricas também.

Diversas organizações de proteção ambiental afirmaram que o pó contém metais pesados nocivos como o arsênico ou mercúrio.

LEIA TAMBÉM: Os desastres naturais mais destruidores da Rússia moderna

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies