Putin concede cidadania russa a lutador de MMA Jeff Monson

Jeff Monson solicitou a cidadania russa em 2015

Jeff Monson solicitou a cidadania russa em 2015

Andrei Nikerichev/Agência Moskva
Esportista nascido nos EUA é conhecido por críticas ao sistema capitalista. Atleta é também faixa preta e campeão mundial de jiu-jitsu.

O presidente Vladimir Putin concedeu cidadania russa a Jeff Monson, também conhecido como “Snowman”. O lutador de MMA, que nasceu nos EUA, é conhecido por sua forte posição anticapitalista e promoção do legado soviético.

O decreto foi publicado no portal do governo para informações jurídicas nesta terça-feira (29). A lei russa permite que o presidente conceda cidadania a estrangeiros por reconhecimento de suas realizações ou serviços ao país.

Como lutador de artes marciais mistas, Jeff Monson participou de 85 disputas, vencendo 60 delas, e é também campeão mundial de jiu-jitsu.

Uma das várias tatuagens de Monson é um enorme emblema soviético da foice e o martelo. O atleta também tem outras duas tatuagens com as palavras russas “svoboda” (liberdade) e “solidarnost” (solidariedade).

O esportista já havia recebido o título de cidadão honorário da autoproclamada República da Abecásia e um passaporte da autoproclamada República Popular de Lugansk, no leste ucraniano.

Na última década, várias celebridades estrangeiras receberam cidadania russa, como os atores francês Gérard Depardieu e norte-americano Steven Seagal.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? 
Clique 
aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies