“Isso é um fiasco, mano!”: Cão da raça Shiba vira meme na Rússia

Shiba chamado Stiv

Shiba chamado Stiv

Vladímir Lavrov
Vídeo que mostra cachorro caindo em um rio em meio à neve – e saindo completamente ileso – viralizou no país e deu origem a uma avalanche de piadas.

O vídeo intitulado “Isso é um fiasco, mano” já obteve mais de 1,5 milhão de visualizações no YouTube desde que foi publicado pelo dono do cãozinho Stiv, da raça Shiba Inu. As imagens podem ser vistas em um canal chamado Shiba Stiv.

No vídeo, escuta-se o dono de Stiv, Vladímir Lavrov, estimulando o cachorro a atravessar um rio e advertindo-o para não cair porque “seria um fiasco”. Mas o cão desliza na neve que cobre uma ponte improvisada e despenca na água gelada. “Isso é um fiasco, mano”, exclama Lavrov, enquanto Stiv pula rapidamente para a margem.

Em entrevista ao site de notícias TJournal, Lavrov explicou que Stiv saíra ileso da situação graças ao pelo grosso. Ele também admitiu que filmagem havia sido feita em dezembro passado, embora o vídeo só tenha sido postado recentemente.

“Eu não tinha ideia que se tornaria viral”, disse ao site.

Com a crescente popularidade, o deu origem a vários memes nas redes sociais nos quais diferentes situações são acompanhadas pela legenda: “Isso é um fiasco, mano”.

Confira a seguir algumas das melhores criações (legendas em português abaixo):

Conte-me agora como – você chorou com “Sempre ao seu lado” [drama americano de 2009, com roteiro baseado em uma história verídica e estrelado por Richard Gere]

Vida bem-sucedida – Eu – Internet

Um meme baseado na história foi, inclusive, publicado na conta do Twitter de um canal de TV russo.

“Isso é um fiasco, mano: dois caras roubaram uma casa, pensando que estavam ajudando seu amigo a empacotar [as coisas] e se mudar para outro lugar"

O Twitter do site Sports.ru também entrou na onda, ao relatar a história de uma família australiana azarada que viajou à Espanha para ver o Neymar jogando, mas...

“Neymar não está, a partida está atrás de portas fechadas. Isso é um verdadeiro fiasco, mano.”

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.