As melhores capas da Playboy russa durante a era Hugh Hefner

O fundador da icônica revista Playboy morreu na última quarta-feira (27) em sua mansão em Los Angeles e ressuscitou no Russia Beyond o ímpeto de reunir as melhores capas do veículo em sua versão russa.

Levou quase meio século após sua primeira publicação na América para que a Playboy aparecesse na Rússia. A revista não existia nas prateleiras russas até 1995, mas sua presença foi significativa com a revolução sexual promovida na era pós-soviética.

A primeira capa da revista na Rússia era bastante tímida, mas, ao mesmo tempo, atrevida. Trazia os dizeres: “Rússia, verão de 1995”. Era um verão muito quente mesmo, em todos os sentidos possíveis.

A primeira capa na Rússia, em 1995.

Artistas como a estrela do pop russo Lada Dance (1996) logo apareceriam seminuas na Playboy. Esta chegou mesmo a estrelar uma versão russa do seriado de TV “Sex and the City”, personificando o papel de Samantha em idade balzaquiana.

A cantora Natasha Korolióva foi “garota do mês” em 1997.

Um ano depois, em 1997, a cantora e sex symbol Natasha Korolióva foi a “garota do mês” na Playboy, o que a ajudou a impulsionar seu hit “Tulipas amarelas”.

A antiga membra do grupo Miraj, Irina Saltikova, considerada a “Pamela Anderson russa”.

A cantora pop russa e antiga membra do grupo Miraj, Irina Saltikova, também apareceu na revista em 1997. E no ano 2000. Ela era considerada a “Pamela Anderson russa”, ou, pelo menos, parte de sua anatomia era bem similar...

Outra atriz russa que estampou as páginas da Playboy foi Oksana Fandera.

Outra atriz russa que estampou as páginas da Playboy foi Oksana Fandera. Em 1988, ela ganhou segundo lugar no primeiro concurso de beleza da URSS, intitulado “Beleza de Moscou”. Sua colega, a modelo Alika Smekhova, também entrou para o time das “coelhinhas” em 1996 e 1999.

Anna Azarova apareceu em uma edição com uma entrevista com Donald Trump.

A maior parte dos homens russos se lembrará com ternura da modelo e estrela de TV Anna Azarova. Ela apareceu em uma edição com uma entrevista com Donald Trump.

A sensual apresentadora de TV Anfisa Tchekhova ganhou popularidade após se despir na Playboy.

Em 2008, a sensual apresentadora de TV Anfisa Tchekhova se tornou rapidamente popular graças ao programa erótico “Sexo com Anfisa Tchekhova”. Não levou muito tempo para ela ganhar seguidores fieis, e isso se deveu, pelo menos em partes, ao fato de ela ter se despido na Playboy.

Depois de deixar o “Dom-2”, equivalente ao BBB, Aliôna Vodonaieva se despiu para a revista.

Outro programa de TV, o “Dom-2”, um equivalente ao Big Brother na Rússia, produziu uma capa de Playboy notável, Aliôna Vodonaieva. Depois de deixar o programa, a “bad girl” que já tinha mostrado seu estilo de vida na TV se despiu para a revista.

Anna Semionovitch foi campeã de patinação no gelo e coelhinha.

Já a cantora e ex-dançarina no gelo Anna Semionovitch encantou com sua extraordinária aparência. Abundam os rumores sobre seus seios, mas ela diz nunca ter feito cirurgia. Na patinagem no gelo, ela também tinha talento: foi campeã no World Junior Championship e venceu duas vezes na Finlândia.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.