Patinador russo quebra recorde no sprint

Kulijnikov bateu a marca no Campeonato Mundial em Calgary, no Canadá

Kulijnikov bateu a marca no Campeonato Mundial em Calgary, no Canadá

Getty Images
Primeiro recordista na categoria após a queda da URSS, Kulijnikov estabeleceu nova marca de velocidade.

No  domingo (15), o patinador russo Pável Kulijnikov, 21, estabeleceu um novo recorde de velocidade na categoria dos 500 metros no gelo sprint, quebrando a marca alcançada há oito anos pelo canadense Jeremy Wotherspoon.

Kulijnikov bateu a marca no Campeonato Mundial em Calgary, no Canadá. O segundo colocado ficou a uma distância de 34,00 segundos do novo campeão mundial, batendo também a antiga marca, em 0,03 segundos.

"O recorde de Wotherspoon foi significativo para o sprint. O canadense o estabeleceu porque  estava muito motivado. Em se tratando de técnica, ele não tinha com quem se equiparar. E ainda agora não vejo quem possa fazê-lo como Jeremy. Tecnicamente, isso não é nada simples. Mesmo assim, Kulijnikov tinha tudo o que era preciso para tanto", disse ao jornal R-Sport o treinador do russo, Dmítri Dorofeev.

Os russos não batiam um recorde na patinação de velocidade desde 1989. Sua última marca foi estabelecida por Ígor Jelezóvski nos 1.000 metros em 1989 (1.12,58). Na patinação de velocidade em geral, o último recorde foi estabelecido por Shani Davis nos 1.000 m, em 2009, com 1:06.42.

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.