Medvedev entrega chaves de Mercedes a medalhistas olímpicos

Medvedev distribuiu as chaves pessoalmente em cerimônia próxima à Praça Vermelha Foto: RIA Nóvosti

Medvedev distribuiu as chaves pessoalmente em cerimônia próxima à Praça Vermelha Foto: RIA Nóvosti

Rússia terminou Olimpíadas em casa no topo do quadro geral de medalhas, com 13 ouros, 11 pratas e 9 bronzes. Além dos carros, atletas receberam um prêmio em dinheiro.

O primeiro-ministro russo Dmítri Medvedev entregou na quinta-feira passada (27) as chaves de um Mercedes como prêmio todos os medalhistas olímpicos do país nos Jogos Olímpicos de Inverno de Sôtchi. 

Em cerimônia próxima à Praça Vermelha, em Moscou, Medvedev parabenizou os 44 medalhistas e distribuiu as chaves pessoalmente. Três modelos de Mercedes foram entregues aos atletas de acordo com a medalha conquistada.

"Fiquei um pouco chocado quando recebi o carro", disse o biatleta Anton Chipulin, que levou o ouro com a equipe de revezamento. "Eu sabia que tipo de modelo seria, mas ainda assim foi difícil acreditar totalmente nisso", continuou. Esse foi o segundo carro que Chipulin ganhou do governo, depois do terceiro lugar nas Olímpiadas de Vancouver há quatro anos. 

Além dos carros, eles receberam um prêmio em dinheiro. Os medalhistas de ouro ganharam US$ 120 mil, os de prata, US$ 76 mil, e os de bronze, US$ 52 mil. 

Nesta edição, o país superou todas as expectativas ao liderar o quadro de medalhas pela primeira vez em 20 anos. Nos Jogos de Vancouver, os atletas russos haviam conquistado apenas três medalhas de ouro.

 

Publicado originalmente pelo jornal The Moscow News

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.