Sucesso no snowboard consola torcedores de hóquei

Talvez a decepção do dia tenha sido a dos torcedores russos de hóquei, com a derrota do time russo contra a Finlândia por 3 a 1 Foto: RIA Novosti

Talvez a decepção do dia tenha sido a dos torcedores russos de hóquei, com a derrota do time russo contra a Finlândia por 3 a 1 Foto: RIA Novosti

Time masculino de hóquei da Rússia deixa as Olimpíadas após derrota para Finlândia nas quartas de final, enquanto Lipnítskaia cai no programa de patinação artística. Surpresas desagradáveis na arena de gelo foram, entretanto, compensadas com os bons resultados no snowboard e esqui.

Snowboard

A atleta russa Aliôna Zavarzina ficou em terceiro lugar na prova de slalom gigante paralelo, cujo prêmio máximo foi para a suíça Patricia Kummer. “Eu não poderia ir embora sem uma medalha. Pena que não foi ouro, mas fiz tudo que podia”, disse Zavarzina em entrevista ao canal Rússia 2.

Alguns minutos mais tarde, o marido de Zavarzina, Vic Wilde, um norte-americano que atualmente defende as cores da Rússia, conquistou o ouro na categoria masculina da mesma modalidade. “É bom demais para ser verdade ganhar uma medalha juntamente com a Aliôna”, declarou Wilde ao portal championat.com, enquanto comemorava a vitória dupla.

Esqui de Fundo 

Também nesta quarta-feira (19) os esquiadores disputaram o sprint de equipe de esqui de fundo. A dupla feminina russa Anastassia Dotsenko e Julia Ivanova ficaram em terceiro lugar na corrida e garantiram uma posição na final. Porém, a equipe feminina da Rússia ficou em sexto lugar na classificação geral, e o pódio foi exclusivamente ocupado por atletas escandinavas, com equipes da Noruega, Finlândia e Suécia.

Na semifinal masculina, a dupla russa Nikita Kriukov e Maksim Vilegjanin conseguiu se classificar diretamente para a prova final e levou a prata para a Rússia. Mesmo assim, Kriukov e Vilegjanin não demonstraram plena satisfação com o resultado. “A primeira sensação que sentimos depois da chegada foi de decepção. Poderíamos ter ganho”, disse Kriukov.

Patinação artística

O programa curto das patinadoras russas deixou um sentimento misto nos torcedores russos. Julia Lipnítskaia ficou em quinto lugar depois da queda, e Adelina Sotnikova, em segundo. Apesar de ter feito uma execução excelente de combinações e piruetas, Lipnítskaia errou no flip triplo. “Eu vou lutar, mesmo porque a pontuação acabou não sendo assim tão baixa como eu pensava”, declarou a atleta para o jornal “Soviétski Sport” depois da exibição.

O primeiro lugar, com pontuação de 74.92, foi para a coreana Yuna Kim, seguida pela Sotnikova, que ficou atrás da líder em 0,28 pontos e ainda tem chance de vitória na grande final. As medalhas da patinação artística feminina serão disputadas nesta quinta-feira (20).

A brasileira Isadora Williams, que fez sua estreia na patinação artística em Sôtchi nesta quarta-feira, ficou em último lugar.

Biatlo

A equipe de revezamento misto da Rússia, composta por Olga Zaitseva, Olga Vilukhina, Evguênia Garanitcheva e Anton Chipulin, não conseguiu entrar no top três. Sua pontuação foi penalizada com nove falhas. O ouro foi para a equipe da Noruega, enquanto República Tcheca e Itália garantiram a prata e o bronze, respectivamente.

Patinação de velocidade

Nos 5.000 metros feminino, a melhor atleta foi a tcheca Martina Sáblíková, com tempo de 6:51.54. As holandesas Ireen Wüst e Carien Kleibeuker ficaram, respetivamente, com o segundo e terceiro lugares. A um passo do pódio ficou a russa Olga Graf, cujo atraso em relação à líder foi de apenas 4,23 segundos. Apesar de não ter subido ao pódio, Graf conseguiu bater um novo recorde para o país. “Mas por enquanto tenho na cabeça aqueles 12 centésimos que me deixaram fora do pódio”, lamentou ao portal Sportbox. Outra russa, Anna Tchernova, garantiu a 9a posição.

Hóquei no gelo

Talvez a decepção do dia tenha sido a dos torcedores russos de hóquei, com a derrota do time russo contra a Finlândia por 3 a 1. Assim, a equipe russa deixou a competição. “Claro que não esperávamos um resultado desses, mas sabíamos que os finlandeses são bons, patinam bem e têm boa defesa”, disse Pável Datsiuk sobre a partida.

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.