Mercado de publicidade on-line na Rússia cresce 23%; impresso cai 10%

Viktor Chernov/Global Look Press
Indústria nacional de anúncios pode se tornar a quinta maior da Europa, gerando quase US$ 7 bilhões até o final do ano.

De acordo com a Associação das Agências de Comunicação da Rússia (Acar, na sigla em russo), o mercado russo de publicidade on-line aumentou 23% e seu valor chegou a 116 bilhões de rublos (quase US$ 2 bilhões) nos primeiros nove meses de 2017.

Pela primeira vez, as receitas de publicidade on-line foram iguais às de televisão e ultrapassaram a taxa de crescimento de 13% do setor desde o início do ano. Porém, tanto as propagandas de rádio quanto as impressas seguem tendência negativa – enquanto a primeira cresceu somente 2%, a segunda registrou uma queda de 10%.

Ainda assim, o presidente da Acar, Aleksêi Kovilov, acredita que o mercado de publicidade russo vai gerar 400 bilhões de rublos (US$ 6,8 bilhões) até o final de 2017.

“Será, confiantemente, o quinto maior [mercado publicitário] da Europa, quase o mesmo que na Itália”, disse ele à TASS. “Na verdade, pode-se dizer que a indústria de publicidade da Rússia está retomando sua posição global”, arrebatou Kovilov.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Leia mais