Estatal russa participará de reforma de rede ferroviária em Cuba

Acordo é esperado para novembro deste ano

Acordo é esperado para novembro deste ano

Divulgação
Contrato deverá prever modernização de mais de 1.100 km de trilhos. Empresa russa também estuda a possibilidade de abrir uma filial no país latino-americano.

A companhia ferroviária estatal da Rússia, Russian Railways, prevê a modernização de mais de 1.100 km de trilhos nas três principais linhas de trem de Cuba.

“A atualização será feito por segmentos, onde algumas reformas são necessárias para que seja possível aumentar a velocidade de deslocamento em toda a rede. São mais de 1.100 km de ferrovias no total”, disse à agência TASS o vice-presidente-executivo da RZD International (subsidiária da empresa russa), Oleg Nikolaiev.

A expectativa, segundo o executivo, é que o contrato para a realização dos serviços na rede ferroviária cubana seja assinado em novembro deste ano.

“Até então, um grupo de trabalho conjunto já concluiu um levantamento das linhas ferroviárias de Cuba. Os trabalhos de construção e instalação por companhias locais serão organizados no âmbito do projeto de atualização, juntamente com o treinamento de especialistas”, acrescentou Nikolaiev.

A Russian Railways estaria ainda estudando a possibilidade de abrir uma filial em Cuba.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail?
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.