País começa a exportar milho para países da África subsaariana

Colheita de milho nos arredores de Stavropol, no sul da Rússia

Colheita de milho nos arredores de Stavropol, no sul da Rússia

Reuters
Produção nacional do cereal quadruplicou ao longo de 2016.

A Rússia iniciou as exportações planejadas de milho para países da África subsaariana, segundo informações no site do Serviço Federal de Vigilância Sanitária e Fitossanitária da Rússia (Rosselkhoznadzor).

A primeira entrega, no total de 3.500 toneladas, foi enviada ao Senegal, na África Ocidental, a partir do porto marítimo de Novorossisk, no mar Negro.

Em novembro passado, os produtores de milho russos também entraram no mercado do Vietnã. Desde então foram entregues 63.600 toneladas ao país do Sudeste Asiático.

De acordo com o Ministério da Agricultura russo, a produção nacional de milho aumentou em quatro vezes em 2016.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail?
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.