Em crise, Venezuela receberá trigo russo por dois anos

Trigo russo abastecerá mais de 10.000 padarias no país latino-americano

Trigo russo abastecerá mais de 10.000 padarias no país latino-americano

RIA Nôvosti
Escassez de alimentos e medicamentos geram protestos e confrontos no país.

Um acordo para exportação de trigo russo à Venezuela durante um período de dois anos será assinado nos próximos dias, segundo declarou o presidente venezuelano Nicolás Maduro nesta quinta-feira (13).

De acordo com a AVN (agência venezuelana de notícias), Moscou iniciará o fornecimento de trigo a mais de 10.000 padarias no país latino-americano.

“Conforme o decreto do presidente [russo Vladímir] Pútin, faremos um acordo para garantir os fornecimentos de trigo necessário para a Venezuela produzir pão nos anos de 2017 e 2018”, disse Maduro.

A agência destaca ainda que o país já recebeu 90 mil toneladas de trigo em junho, 96 mil toneladas em julho, e 219 mil toneladas em agosto passado.

A crise socioeconômica na Venezuela vem gerando um déficit de alimentos e medicamentos no país. A falta de recursos gerou intensos protestos e confrontos com órgãos policiais nos meses de maio e junho.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail?Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.