Com US$ 173,6 bi, Moscou lidera investimento estrangeiro no país

Capital russa recebeu 50,6% do total de IED na Rússia

Capital russa recebeu 50,6% do total de IED na Rússia

RIA Nôvosti
Cálculo do Banco Central se refere a capital externo acumulado desde 1994. Empresas do Chipre, de Luxemburgo e da Holanda figuram entre maiores investidores.

Até o início de 2016, Moscou recebeu US$ 173,6 bilhão de investimento estrangeiro direto (IED) acumulado, segundo Serguêi Tcheremin, chefe do departamento de economia externa e relações internacionais do governo de Moscou. O Banco Central da Rússia calcula esses números em base cumulativa desde 1994.

Segundo o órgão financeiro, a capital russa recebeu 50,6% do total de IED na Rússia, ocupando a liderança entre as regiões do país neste parâmetro.

Entre os principais investidores figuram empresas do Chipre, de Luxemburgo, da Holanda, da Irlanda e das Ilhas Virgens Britânicas.

“Suas posições [dos países investidores] no ranking pode ser explicada pelo fato de os cidadãos russos gerenciarem uma quantidade significativa de transações e reinvestimentos por meio desses países, seguindo as legislações financeiras locais”, explicou Tcheremin à Gazeta Russa.

 

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail?Clique aqui para assinar nossa newsletter. 

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.