Rússia e Egito assinam acordo para construção de usina nuclear

O acordo assinado busca contribuir para o desenvolvimento da infraestrutura nuclear do Egito.

O acordo assinado busca contribuir para o desenvolvimento da infraestrutura nuclear do Egito.

Ria Novosti
Projeto prevê a construção de quatro reatores na cidade egípcia de Dabaa.

A Rússia, através da sua estatal de energia nuclear, Rosatom, assinou nesta quinta-feira (19) com o Egito um acordo para a colaboração na construção e operação de uma usina nuclear egípcia. O empreendimento terá quatro reatores, cada um com capacidade de 1.200 MW.

O acordo assinado busca contribuir para o desenvolvimento da infraestrutura nuclear do Egito e especificou questões referentes ao fornecimento de combustível para a futura usina. As obrigações, a manutenção e a reparação das unidades também são definidas no documento.

"O projeto da usina em Dabaa se tornará o maior projeto conjunto entre a Rússia e o Egito. Esta é uma nova página na história das relações intergovernamentais entre esses países. O projeto fará do Egito uma liderança em tecnologia na região uma vez que será o único país a possuir uma usina de terceira geração", declarou o diretor geral da Rosatom, Serguêi Kirienko.

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.