Preço do cigarro deve quase triplicar até 2015

Até 2015, cigarro deverá passar dos atuais  atuais US$ 1,20 para US$ 3,10 Foto: RIA Nóvosti

Até 2015, cigarro deverá passar dos atuais atuais US$ 1,20 para US$ 3,10 Foto: RIA Nóvosti

Propostas elaboradas pelo Ministério da Saúde russo visam reduzir consumo de produtos do tabaco em todo território nacional.

As autoridades russas vão aumentar o imposto especial sobre o consumo de tabaco mais do que o previsto para 2014-2015, conforme um projeto de lei elaborado pelo Ministério da Saúde.

De acordo com a edição atual do código tributário russo, o imposto especial para cigarros é de 550 rublos (US$ 17) por mil cigarros mais 8% do preço de varejo. O imposto especial sobre o consumo de cigarros deve subir para 800 rublos (US$ 24,70) por mil cigarros mais 8,5% do preço de varejo em 2014, e para 960 rublos (US$ 29,70) e 9% do preço de varejo em 2015.

O ministério também sugere maiores impostos especiais de consumo nas emendas elaboradas à “Lei sobre a proteção da saúde das pessoas em relação ao impacto do consumo de tabaco e as consequências do tabagismo”. A ideia é subir o imposto para 1.200 rublos (US$ 37) e 10% do preço de varejo em 2014 e 2050 rublos (US$ 63,40) mais 10 % do preço de varejo em 2015.

Segundo os especialistas, se aprovados, os novos impostos sobre o consumo vão aumentar o preço médio de um maço de cigarros dos atuais 40 rublos (US$ 1,20) para 68 rublos (US$ 2,10) 2014 e para 100 rublos (US$ 3,10) em 2015. 

 

Publicado originalmente pela agência ITAR-TASS

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.