Indústria automobilística russa passa a ocupar 2° lugar em volume na Europa

Produção do Fiat Linea na fábrica Sollers, na Rússia Foto: ITAR-TASS

Produção do Fiat Linea na fábrica Sollers, na Rússia Foto: ITAR-TASS

País fabricou 457,5 mil automóveis de passageiros no primeiro trimestre de 2013, perdendo apenas para Alemanha. Mesmo assim, Brasil superou a Rússia e fabricou o equivalente a 84% da produção total na América do Sul.

Ao final do primeiro trimestre deste ano, a associação Ukravtoprom elaborou um ranking dos países fabricantes de automóveis. De acordo com os dados apresentados pela associação, a China tornou-se o país que mais fabrica automóveis no mundo, embora o líder da indústria automobilística europeia continue sendo a Alemanha. A Rússia passou a ocupar o segundo lugar em volume de produção de automóveis de passageiros no continente europeu.

Pelos resultados do primeiro trimestre, dez dos quarenta países fabricantes de automóveis de passageiros são responsáveis por 78% da produção mundial desse tipo de veículo. A parcela da China na produção mundial de automóveis de passageiros é de 26,76%; do Japão, 12,42%; da Alemanha, 8,13%; dos EUA, 6,84%; da Coreia do Sul, 6,19%; da Índia, 5,32%; do Brasil, 3,90%; da Rússia, 2.79%; da Espanha, 2,77%; e do México, 2.76%.

A maior quantidade de carros do mundo é produzida nos países da região Ásia-Pacífico. Na China, por exemplo, foram fabricados quase 4,5 milhões carros de passageiros durante o primeiro trimestre, o que representa um acréscimo de 16% em relação ao indicador do mesmo período de 2012.

A região do mundo que ocupa o segundo lugar em volume de produção automobilística continua sendo a Europa, apesar de a dinâmica de desenvolvimento se mostrar negativa. Em comparação ao mesmo período no ano passado, o volume da produção de automóveis na região diminuiu em 7%.

Nos primeiros três meses deste ano, foram produzidos na Europa cerca de 4,5 milhões de carros de passageiros. O primeiro lugar na região foi ocupado pela Alemanha, que no ranking mundial de fabricantes de automóveis de passageiros está em terceiro lugar, pois a  China e o Japão passaram à sua frente. Já a Rússia, que ocupa o segundo lugar em volume, produziu 457,5 mil automóveis de passageiros (1,5% a mais que no ano anterior). O terceiro lugar nessa lista é da Espanha, com produção de 454 mil veículos.

Durante o mesmo período, os países da América do Norte fabricaram mais de 1,8 milhões de automóveis de passeio, 3,6% a mais que no mesmo período do ano passado. As indústrias dos EUA forneceram quase 62% dos carros de passeio da produção da América do Norte. O aumento da produção de carros de passeios nos EUA foi de 9% . Em segundo lugar está o México que, em comparação com 2012, aumentou o seu volume de produção em 1,1%, fabricando 452,7 mil veículos durante o trimestre.

A indústria automobilística da região da América do Sul, por sua vez, está se desenvolvendo. O indicador do primeiro trimestre aumentou 10% em relação ao ano passado e alcançou 761,3 mil veículos. O maior fabricante de automóveis da região é o Brasil, que melhorou seu indicador em 11%, em relação ao ano passado. Foram 639,3 mil veículos produzidos no Brasil, o que representa 84% da produção total da região. 


Publicado originalmente no site
motorpage.ru

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.