Moscou está entre as 100 cidades mais inovadoras do mundo

Autoridades locais querem subir mais 24 posições até 2016 Foto: AFP / EastNews

Autoridades locais querem subir mais 24 posições até 2016 Foto: AFP / EastNews

Autoridades da capital pretendem reforçar as atuais iniciativas e atingir top 50 até 2016.

De acordo com agência de classificação australiana 2thinknow, Moscou passou a ocupar o 74º lugar entre as 1540 cidades consideradas no ranking global das cidades inovadoras do mundo.

“Em função dos resultados de 2012, Moscou foi incluída, pela primeira vez, entre as cem cidades mais inovadoras do mundo”, anunciou o chefe da divisão de Ciência, Política Industrial e Empreendedorismo da Rússia, Aleksêi Komissarov. Em 2011, a capital russa ocupou o 192º lugar.

O resultado teria sido consequência de “ações do governo de Moscou focadas no objetivo de apoiar e estimular a atividade inovadora", bem como da implementação do programa "Moscou - capital inovadora da Rússia", projetado para o período de 2012 a 2016. A criação do Centro de Desenvolvimento Inovador de Moscou também foi apontada como um fator positivo.

“Moscou está fazendo sérios esforços para aumentar a participação dos produtos inovadores em contratos públicos. Foi prevista uma cota de 5% para a compra desses produtos e, em 2012, esse número chegou a 8,6%”, destacou Komissarov.

Uma vez que os esforços terão continuidade, as autoridades locais esperam que até  2016 a capital figure na lista das 50 cidades mais inovadoras do mundo e das primeiras 20 cidades europeias.

 

Publicado originalmente pela ITAR-TASS

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.